[ editar artigo]

A EMPATIA PODE MELHORAR OS RESULTADOS DO SEU NEGÓCIO! SERÁ? FICOU CURIOSO?

A EMPATIA PODE MELHORAR OS RESULTADOS DO SEU NEGÓCIO!
SERÁ? FICOU CURIOSO?

 

Quando eu era pequena minha mãe me ensinou que eu devia "fazer aos outros o que gostaria que fizessem a mim", dessa forma eu não teria problemas de convivência. Quando cresci entendi que esse conceito é o de Empatia, e que minha mãe mesmo sem muito estudo me ensinou a ser empática.

No decorrer da minha vida pratiquei inúmeras vezes essa recomendação e percebi resultados diferentes; para algumas pessoas dava certo e outras não.

Isso me incomodava, principalmente quando a reação do outro não era o resultado que eu esperava. O que eu estava fazendo errado?

Faz pouco tempo, estudando a neurociência, entendi que a EMPATIA vai além.

Que o que minha mãe ensinou não dava para todas as pessoas porque elas, simplesmente, podem ter gostos completamente diferentes dos meus.

Então eu entendi que EMPATIA é "Faça aos outros o que eles gostariam que fizesse a eles."

A forma como eu enxergo o outro, como escuto o outro, e como eu me conecto a ele faz toda a diferença nesse novo conceito.

Mas você deve estar se perguntando o que isso tem haver com melhorar os resultados do seu negócio.

Pense comigo.

As pessoas compram mais e com maior recorrência quando você cria uma conexão emocional com ela, ou seja, você faz exatamente o que ela está esperando e pode supera suas expectativas.

Para que isso aconteça você deverá ser empático, terá que abrir mão de todos seus julgamentos e olhar o outro como ele é, sem julgá-lo se está bem vestido, se fala corretamente, se se comparta conforme você acredita que é o certo.

Cada cliente é único e você precisará enxerga-lo como ele é.

Você deverá escutá-lo (sem se preocupar em dar a resposta antes que ele acabe de falar ou assim que acabar), porque se fizer assim não estará escutando. Ao escutá-lo você entenderá os seus gostos, suas necessidades, suas dores, seus comportamentos.

Dessa forma você se conectará a ele e venderá o produto ou serviço que ele deseja, da forma que ele deseja, no tempo que ele deseja e não mais no seu.

Parece difícil?  Mas é possível. Quer saber como?

Aprendi, também, na neurociência que todos os seres humanos são empáticos por natureza.

Cientificamente temos dentro do nosso cérebro um sistema de neurônios com funções de espelho. Com esses neurônios podemos imitar os outros e a imitação é uma forma de empatia. Essa conexão permite que sintamos o que o outro está sentido.

Quer um exemplo? – você já se emocionou com uma história ou filme? Sim? Essa é a conexão empática com o outro. Não está acontecendo com você, mas seu cérebro por meio dos neurônios espelhos entende que sim.

Outra coisa que aprendi que podemos treinar e aumentar a nossa empatia.

A resposta também está na neurociência, nosso cérebro é plástico, isso significa que ele se molda e se adapta a todo e qualquer estimulo que a gente dê para ele. Então você pode desenvolver um comportamento empático.

Use seus sentidos: olhe, ouça, sinta, esteja presente no aqui e agora, e principalmente não julgue.

A empatia tem outro poder. Ao desenvolve-la você será uma pessoa mais criativa, mais inovadora e com pensamento sistêmico apurado. Dessa forma você conseguirá olhar um problema não só com seu ponto de vista, mas sob vários pontos de vistas diferentes, e levará a uma solução mais efetiva.

 

Então a EMPATIA pode aumentar os resultados de sua empresa, possibilitando SOLUÇÕES EFETIVAS PARA DIFERENTES PROBLEMAS E CLIENTES ENCANTADOS.

 

 

 

 

 

Blog

Comunidade Sebrae
Márcia Giubertoni
Márcia Giubertoni Seguir

Gosto de ajudar pessoas e animais

Ler conteúdo completo
Indicados para você