[ editar artigo]

A fantástica jornada do empreendedor

A fantástica jornada do empreendedor

Ontem, dia 17 de setembro, tivemos a segunda edição do Connect On The Road, que tem o intuito de levar cases e belas lições de empreendedorismo para o público da Comunidade Sebrae, fisicamente e via web. A primeira edição aconteceu em Curitiba, com Rodrigo Noll, pai do marketing de Indicação, e a de ontem foi com Steph Gomides, fundadora do Aiqfome, um aplicativo de delivery de alimentação, criado em 2007, em Maringá.

Foram muitos aprendizados deixados pela empreendedora em apenas uma live, que o empreendedor de sucesso pode captar como inspiração para seu aperfeiçoamento. Entre as dicas, Steph contou que quando começou sua jornada no empreendedorismo estava solucionando uma necessidade própria, que ao mesmo tempo era uma dor de toda uma fatia de mercado: um aplicativo de celular para pedir comida de forma rápida, completa e simples, sem precisar entrar em diversos sites para pedir. Entretanto, ela falou que na época a internet era bem precária, mas não foi um fator que a fez pensar em desistir, pelo contrário. A busca em proporcionar a melhor experiência para o cliente era uma meta e também motivo de orgulho em saber que estava desenvolvendo um trabalho à frente do seu tempo, pois nasceu tradicional num mercado inovador, que anos mais tarde seria um modelo que hoje não vivemos sem.

Depois de consolidar sua ideia, o Aiqfome precisava expandir, mas Steph fala que ir para lugares grandes como a capital poderia inviabilizar a operação devido aos altos investimentos. Foi quando tiveram a ideia de manter o formato do interior mesmo que numa operação com expansão, que ganhou forma no modelo de licenciamento, que serviu como uma nave mãe para o empreendedor local.

Hoje, o app está presente em 165 cidades do Brasil, com perfil de pequeno porte e público universitário, onde o principal investidor é o próprio cliente que recebe aquilo que a marca promete e é fiel ao propósito.   

Já em relação aos desafios que a marca já teve e que hoje ainda não algo a ser trabalhado é a questão da antecipação de tendências, prever riscos, mas que ao estar conectado ao cliente por meio de feedbacks e sucesso do cliente, desenvolvidos pelos licenciados, é possível manter bom relacionamento com o consumidor e colaboração de toda a cadeia que envolve a operação. Segundo Steph, o futuro é incerto, mas a tecnologia está se desenvolvendo muito rápido e a toda a empresa precisa se renovar para revisar seu modelo de negócios, seus produtos e serviços.

E a dica plus da empreendedora é em relação às questões pessoais. Como Steph trabalha com o marido, ela diz que é essencial saber dividir o pessoal do profissional no caso das empresas familiares e mesmo nas que não são. Nesse caso, a divisão de papeis é muito pertinente e saber confiar na atitude e na decisão do outro também ajuda muito na saúde da relação.

Ficou com vontade de saber mais? Veja no vídeo a live completa!

 

Blog

Comunidade Sebrae
Suzane Marie
Suzane Marie Seguir

Sou jornalista e conteudista!

Ler conteúdo completo
Indicados para você