[ editar artigo]

"BOA NOITE, GERENTE!". UMA FERRAMENTA INTELIGENTE E EFICIENTE!

Hoje divido com você um dos aspectos que mais gosto em minha vivência como gestor varejista, empreendedor e palestrante, esta última função que assumi não faz muito tempo. Estou falando de aprendizado! Nas minhas ‘andanças’, por Minas e pelo Brasil, quase todo dia me deparo com algum tipo de novidade, seja ela teórica ou já aplicada. Viver para aprender, apreender e, consequentemente, engrandecer meus conhecimentos é o que me move!

Pois bem. Vou lhe contar uma rápida história. E olha que, mesmo simples em sua essência, ela pode ser incorporada ao cotidiano do seu varejo, tenha ele o modelo de gestão que tiver, venda o que vender.

Estava eu em Divinópolis, cidade do Centro-Oeste de Minas Gerais, e entrei em uma das lojas de minha família, a Cabocla, para saber o que a equipe poderia estar fazendo de diferente. Foi, então, que o Rogério, gerente daquela unidade, veio me apresentar sua nova “criação”. Era uma ideia simples, mas que já tem se mostrou eficaz para os resultados da empresa. É a ferramenta “Boa noite, Gerente!”.

Trata-se de uma proposta em que cada vendedor recebe, diariamente, um pequeno pedaço de papel onde há os campos “meta”, “quanto vendi hoje” e “o que faltou para eu me sair melhor”. Achei aquela proposta sensacional! Veja o que o Rogério me explicou sobre seu projeto.

Quatro (04) características da ferramenta “Boa noite, Gerente!”:

1-    Promove a disputa saudável e a integração direta de todos os vendedores da loja;

2-    Estimula a vontade de venda dos colaboradores, tanto para obterem comissões maiores quanto para ter resultados pessoais melhores e ser bem conhecidos e reconhecidos;

3-    Facilita a identificação de problemas internos, como preços mais altos em relação aos concorrentes e, também, eventual falta de produtos na prateleira ou no estoque;

4-    Permite maior controle sobre vendas diárias, facilitando o trabalho do gerente para lançamento de dados gerais no sistema da loja.

Rogério me contou que o estímulo interno foi muito positivo. Todos saem ganhando com este tipo de ferramenta, que, praticamente, não gera custos.

Achei o método desenvolvido por Rogério de uma simplicidade genial! Daqui algum tempo, voltarei à loja para ver como tem caminhado a proposta. Isso, claro, além de já trabalhar para implementar a ferramenta nas outras lojas.

E você, o que achou desse caso? Já pensou que, para os gestores que tiverem fluxo de caixa melhor e, claro, espírito de inovação na mente, isso pode se tornar um aplicativo simples, mas de enorme funcionalidade? Fica a dica!

Um abraço, obrigado e até nossa próxima história. Ou estória!

 

Comunidade Sebrae
Thiago Oliveira
Thiago Oliveira Seguir

Proprietário de rede de lojas em MG. Palestrante para os temas varejo, vendas, educação empreendedora e liderança.

Ler matéria completa
Indicados para você