[ editar artigo]

COMERCIO DE BAIRRO

COMERCIO DE BAIRRO

 

Onde estão meus clientes ?

Quer saber onde?

A  resposta está mais perto que você imagina! Esta ao lado, na Circunvizinhança!

"Palavra estranha," porém sua definição explicará o motivo do seu uso nesse texto e a relação ao seu comércio de bairro.

Definição:  "território ou população adjacente a um determinado núcleo"

Lembre se que o principal foco do seu negócio esta localizado no bairro é para trazer comodidade, agilidade, na busca de soluções para toda a vizinha.

Então é fundamental que seus produtos, serviço tenha qualidade, preços compatíveis e acima de tudo, você promova um ótimo atendimento um experiencia nova e estimulante ao cliente,atendimento customizado,trazendo um relacionamento duradouro.

Conhecê-lo pelo nome, sua preferência, distancia da residência, família, hobby, são fundamentais para seu retorno e fidelização a sua empresa.

Pois a principal vantagem competitiva dos comércios de bairro é a proximidade com cliente, para isso cada vez mais utilização de planejamento de marketing de relacionamento é crm ( ferramenta de gestão de relacionamento com cliente), disponíveis para diverso tipos de plataformas e dispositivos, desde o  tipo básico ao mais avançados.  O objetivo é conhecer os clientes e  fidelizar suas marcas ou serviços, adequadas ao perfil desse cliente de forma descontraída.

É feito durante o atendimento, ou durante a entrega na casa do vizinho. São informações uteis para traçar perfil e criar vantagem competitiva frente a concorrência.

A outra estratégia a ser implementada a identificar a necessidade do cliente na hora da compra, trazendo soluções assertivas mesmo que sejam de menor ticket médio do seu mix produtos, criando confiança na relação, ‘’não me vendeu o mais caro, e sim o que eu precisava’ Relação de confiança’

E por último, porem de primeiro foco,  é seu ponto comercia, para torna-lo duradouro e rentável. Pense se hoje você responde a certas perguntas que iram  nortear, atrair e determinar o sucesso do seu negocio. 

Algumas perguntas são norteadoras na hora de escolher o ponto comercial:

  • A loja é acessível aos clientes?

  • O local favorece a venda por impulso? Mesmo sem intenção de compra, os clientes sentem-se estimulados a comprar apenas ao ver o produto?

  • Qual o fluxo de pedestres no local?

  • A área em questão concentra mais atividades comerciais e/ou concorrentes?

  • Estacionamento é necessário?

  • O público-alvo tem acesso garantido à loja?

                                                  Bons Negócios!

 

Blog

Comunidade Sebrae
Paulo Santos
Paulo Santos Seguir

Formado em administração de empresas, especialização em gestão de negócios imobiliários, perito avaliador, gestor predial e orientador empresarial.

Ler conteúdo completo
Indicados para você