[ editar artigo]

Maringá recebe Connect On The Road com Aiqfome

Maringá recebe Connect On The Road com Aiqfome

Aiqfome mostra que suas necessidades podem virar seu melhor negócio

Depois do sucesso do primeiro webinar “Connect On The Road” com Rodrigo Noll, em Curitiba, no dia 05 de setembro, com o tema marketing de indicação e relacionamento, a Comunidade Sebrae irá realizar novo webinar em Maringá.

O Connect On The Road tem o intuito de levar conhecimento e informação para o público, por meio da participação de uma personalidade do mercado de gestão e empreendedorismo, que possa servir de inspiração para o empreendedor do Paraná e do Brasil. O melhor desse evento é poder questionar o empreendedor participante on-line e tirar suas dúvidas, que servem de ajuda para pessoas com as mesmas questões que você!

As edições do Connect On The Road deverão ser feitas de forma física em locais públicos, para que haja a participação de qualquer pessoa interessada. Entretanto, também é possível acompanhar o webinar on-line para quem está fora da cidade e os links de exibição são sempre divulgados na Comunidade Sebrae, para engajamento gratuito. O objetivo do Connect On The Road é levar o conteúdo da Comunidade Sebrae com interatividade e movimento para os interessados.

Em Maringá, o evento acontece no dia 17 de setembro, com a fundadora do Aiqfome, Steph Gomides, às 19h, com o tema o “Dia da Dia do Empreendedor”. Como a gente adora um spoiler e não resiste em te contar aqui em primeira mão, conversamos com a Steph sobre o que a motivou em fundar o Aiqfome e quais os principais desafios de empreender hoje.


Entre as principais plataformas de delivery do Brasil, criada em Maringá, o Aiqfome surgiu em 2007 num formato cativante e descontraído, para agradar aqueles que odeiam ligar pra pedir comida, assim como a fundadora Steph. O delivery on-line prima pelo atendimento rápido, com cardápios completos e com jeitinho de interior para 165 cidades do Brasil.

A empresa maringaense, criada com capital próprio, já projeta R$ 150 milhões em vendas para mais de 9 mil restaurantes parceiros, mas para chegar nisso, a fundadora conta que é preciso alguns requisitos e processos, além de potencialidades. Entre as premissas, a empreendedora destaca que o dono deve estar à frente sempre, e executar antes de delegar para entender os processos e o andamento da operação, em todas as áreas da empresa.

Para resolver a questão de estar em ‘desvantagem’ por estar no interior, Steph conta que busca fazer bechmarking e networking com frequência, mas que empreender no interior também tem suas vantagens, como menor custo em marketing e crescimento rápido. Estar numa cidade universitária também facilita na questão de mão de obra qualificada. Entretanto, a empreendedora destaca que o profissional engajado e que possui empatia pela marca vale tanto quanto sua capacidade técnica, pois é difícil conhecer uma pessoa apenas numa entrevista. Já sobre os fornecedores, a empreendedora procura ter uma rede competente para auxiliar a buscar os melhores caminhos.

O dica de mestre de Steph está no fato de que crescer requer parar e pensar, rever problemas e prever novas soluções. Mas que a pessoa só deve mesmo começar um negócio próprio se é algo que ama e que se imagina fazendo para o resto da vida, pois assim tudo fica mais fácil e o dinheiro vai ser a consequência da sua dedicação!

Gostou? Tem mais no dia 17!  Fique ligado nas inscrições!

Comunidade Sebrae
Suzane Marie
Suzane Marie Seguir

Sou jornalista, MEI e gerente de comunidades da Comunidade Sebrae!

Ler matéria completa
Indicados para você