[ editar artigo]

Serviços Condominiais. Por que terceirizar?

Serviços Condominiais. Por que terceirizar?

E quando o síndico, o Conselho ou os condôminos se deparam com decisão de terceirizar, ou não os serviços condominiais. O que fazer?

Primeiro deve-se analisar os motivos para tomada de decisão, que normalmente são: passivo trabalhista acumulado ao longo do tempo; folha de pagamento crescente; funcionários afastados do trabalho; férias ou faltas no trabalho que precisam ser cobertas por outros profissionais; baixa produtividade; vínculos não profissionais de funcionários com moradores, membros do Conselho ou até mesmo com o síndico; insubordinação de funcionários, muitas vezes motivados pelo acúmulo ou desvio de funções e ausência de liderança, além de outros fatores que geram problemas para a gestão dos empregados do condomínio.

Uma das principais vantagens da terceirização está justamente na eliminação dos riscos, cessando passivos futuros, promovendo mais tranquilidade e segurança em relação à questões previdenciárias, contábeis e fiscais.

Com a terceirização, possíveis demandas trabalhistas, passam ser de responsabilidade da empresa terceirizada, assim como a disponibilidade de funcionários e equipamentos, além garantir que seja feito no menor tempo possível, podendo inclusive constar em contrato.

Outro motivo não menos importante, é o controle mais efetivo quanto aos riscos de acidentes de trabalho, principalmente pela supervisão e treinamentos sobre o uso correto de EPIs e equipamentos.

As empresas de terceirização normalmente oferecem maior qualidade nos serviços realizados, porque são focadas em suas áreas de atuação, estão sempre aprimorando seus processos, implantando de procedimentos e cronograma de serviços, visando a otimização dos trabalhos, buscando adequar-se as tendências do mercado, proporcionando maior efetividade, qualidade e redução de custos.

Assim, com maior previsibilidade dos custos mensais e otimização do tempo, o síndico poderá focar noutras questões condominiais, ganhando em efetividade, visto que a gestão de funcionários passa a ser de responsabilidade da empresa prestadora dos serviços.

Porém, para assegurar maior transparência e segurança na escolha da empresa de prestação de serviços terceirizados, o responsável pelo condomínio deve certificar-se sobre a situação jurídica e fiscal da empresa, através das certidões. Também deve exigir, inclusive contando em contrato, a apresentação mensal de certidões, nota fiscal de serviços, holerites comprovando o recolhimento INSS, FGTS e demais contribuições.

 

Comunidade Sebrae
Marcio Palacio Assunção
Marcio Palacio Assunção Seguir

Gerente na Plenittude Serviços, formado em Gestão de Negócios Imobiliários, mais de 07 anos de experiência neste segmento, 04 anos em representação comercial, e dois anos como gestor de prestação de serviços terceirizados.

Ler matéria completa
Indicados para você