[ editar artigo]

Você tem um negócio ou você é o negócio?

Você tem um negócio ou você é o negócio?

Quantas vezes você se sentiu preso ou escravo do seu negócio?

Pois saiba que essa não é uma realidade só sua, mas que só depende de você para mudá-la.

Muitas vezes me deparo com empresários que tem dificuldades em fazer com que seu negócio cresça, pois não acreditam que alguém possa fazer a sua atividade melhor do que eles próprios realizam.

E isso de fato pode ser verdade em alguns negócios que exigem a especialização do dono da empresa como por exemplo médicos, advogados, consultores, engenheiros e etc. No entanto muitas vezes esses negócios têm dificuldades pois quem executa o processo também está cuidando do administrativo, da contabilidade, do Pré-atendimento dos clientes e por aí vai.

Muitas destas atividades podem e, devem ser terceirizadas para outras pessoas. Isso irá garantir que você tenha mais tempo livre para decidir entre, tirar uns dias de férias ou aumentar sua capacidade produtiva.

Mesmo que no início isso represente um custo, este irá se pagar a partir do momento que você conseguir gerar mais, quando estiver focado no que realmente interessa para seu negócio que é atender bem seus clientes.

Se você está vivendo esta situação, neste momento, provavelmente, também esteja preocupado com o fato de que a sua renda é proveniente do que você produzir e que você não pode ficar doente, ou tirar um período de folga que isso pode impactar nos seus ganhos, certo?

Eu já estive nesta situação também, e gostaria de deixar 3 dicas de como consegui "contornar" esta condição:

1 - Agendar compromissos de trabalho, lazer e folgas no seu calendário: é importante ter espaços no seu calendário para imprevistos ou para atividades que possam impactar na sua rotina. 

2 - Quando perceber que não dá conta sozinho, contrate alguém ou terceirize: Já há muitos serviços de terceirização de tarefas corriqueiras e repetitivas disponíveis e com baixo custo. Alguns exemplos são o uso de secretárias virtuais para atendimento prévio de clientes e organização de agendas ou assistente virtual financeiro que cuida da parte de registros e burocracias da empresa.

3 - Automatização de processos: Utilize ferramentas como G Suite ou Office 365 para automatizar processos e rotinas na sua atividade. Ter unificado uma conta de e-mail com calendário, driver de documentos online facilita muito o dia a dia, além de também possibilitar criar pequenos gatilhos de automação com o uso de ferramentas como formulários e conexão com outros aplicativos.

Agora é com você, gostaria que compartilhasse aqui nos comentários o que você pensa sobre este assunto?

Vamos trocar experiências e dividir nosso aprendizado =D.

Um forte abraço e até mais!

Michael

 

 

Blog

Comunidade Sebrae
Michael Pieri
Michael Pieri Seguir

Eu sou Contador, sócio de um escritório de contabilidade mas também tenho outros negócios e interesses conectados ao ambiente empresarial, tecnológico e comercial. Atuo como consultor de negócios e ajudo empresas através da contabilidade consultiva.

Ler conteúdo completo
Indicados para você