[ editar artigo]

CS: A maior (e melhor) prova de fogo para um profissional

CS: A maior (e melhor) prova de fogo para um profissional

 

Para quem já percorreu um caminho razoável na carreira, certamente que já trabalhou com muitas coisas diferentes e conviveu em culturas organizacionais bem peculiares. Passou por verdadeiras "revoluções" na gestão das empresas - claro, arquitetadas por consultores super futuristas, aos quais nós, pobres mortais, não tínhamos outra alternativa a não ser executar aqueles "fantásticos" planos de ação que quando não davam certo, sempre era "por culpa da falta de comprometimento dos funcionários". Cabeças rolavam e ganhava o bolão quem adivinhava quem seria a próxima vítima.

O tempo passou e isso foi nos deixando "cascudos"; fomos aprendendo a lidar com os erros, a cair e a levantar. O mais bacana disso: a internet democratizou o conhecimento que antes era, teoricamente, propriedade só daqueles que faziam mais de uma faculdade, especializações, mestrados em instituições renomadas - se tivessem concluído doutorado então, eram como os Deuses do Olimpo! Não quero aqui em hipótese alguma dizer que a academia se tornou desnecessária; o que mudou é que hoje você precisa mostrar como aplicar, na prática, estes conhecimentos para melhorar os resultados da organização e no prazo mais curto possível.

Essa experiência prática combinada com a teoria obtida a um clique criou um novo tipo de profissional, com características essenciais nas empresas inovadoras: curioso, autodidata, proativo, comunicativo, compartilhador; eu me atrevo a chamá-lo ainda de "verdadeiro agente de mudanças", tamanha a capacidade de provocar transformações e com isso, contagiar outros que tenham os mesmos objetivos.

E o que essa história toda tem a ver com Customer Success? Absolutamente tudo!
O profissional de CS ao mesmo tempo que precisa ter uma qualificação robusta e uma visão sistêmica bem ampliada, tem a obrigação de simplificar tudo isso para que as pessoas se sintam atraídas e compelidas a executar a estratégia, a reconhecerem o cliente como razão da existência da organização, mas mais do que isso: quererem fixar raízes nela porque acreditam que seus valores e seu propósito de vida estão em sintonia.

Hoje na posição de responsável pela implantação do movimento CS na empresa onde trabalho, vejo este desafio como uma grande prova de fogo profissional. As tarefas que eu já executei algum dia na vida com foco em cliente, no CS elas têm um grau muito mais pesado e profundo,  e por isso se tornam novas tarefas.

Engajar não só uma área mas uma companhia inteira exige resiliência, inteligência emocional, criatividade, humildade e principalmente desejar o desenvolvimento pessoal e profissional de cada um do Time. Na minha opinião, é essa a essência do empoderamento e da autonomia.

Estudar todos os dias, gostar de conhecer o ponto de vista de outros profissionais, tirar tempo para participar de eventos e palestras, enfim, autodesenvolver-se é algo imprescindível e tem que fazer parte da rotina.
Se você me perguntasse o que eu estou achando de tudo isso, responderia que nunca me senti tão realizada e motivada! Tenho a sorte de trabalhar numa companhia que tem vontade de fazer diferente, que gosta de ouvir a opinião do Time, que é bem vista por seus clientes; tão sensacional quanto tudo isso é ter pares focados no mesmo objetivo de fazer dar certo.

Temos muito ainda a melhorar e não andamos nem 1%  do que planejamos, mas ter a consciência disso é o que me faz começar cada dia com a energia de quando eu era uma estagiária lá no meu primeiro emprego. Agora faz sentido para mim algo que eu sempre achei que fosse despeito de quem via a idade chegar: "velho é o seu espírito". O CS é a melhor oportunidade de carreira que alguém poderia ter; diferente de muita coisa que eu já vi nas empresas, ele não é um modismo, veio realmente para ficar e quem não entender isso estará fora do jogo. Sinto-me muito privilegiada e feliz por este grande presente da vida. Elaine Ruginski, obrigada por me apresentar a este fascinante "novo mundo"! :)

(Foto de capa: "Amanhecer na Pedra de Macela", www.trilhandomontanhas.com)

Comunidade Sebrae
Mareline Kessy de Lima
Mareline Kessy de Lima Seguir

Curitibana, feliz da vida! :) Minha experiência tem um pouco de área Comercial, Marketing, Comunicação, RH e Projetos, mas principalmente relacionamentos, os quais me levaram a caminhos onde eu jamais chegaria sozinha. www.linkedin.com/in/kessylima

Ler matéria completa
Indicados para você