[ editar artigo]

Como usar a Inteligência Emocional no ambiente de trabalho

Como usar a Inteligência Emocional no ambiente de trabalho

A Inteligência emocional no trabalho é a capacidade do profissional aprender a identificar e gerir suas próprias emoções compreendendo o efeito delas no seu desempenho e no sucesso da empresa. O termo inteligência emocional já faz parte do dia a dia de muitas pessoas, mas nem todo mundo sabe como ter inteligência emocional no ambiente de trabalho. Isso porque a disseminação desse conceito não aconteceu há tanto tempo. Para entender como ter inteligência emocional no ambiente de trabalho, antes é preciso ter total clareza sobre o que se trata esse conceito.

O pai da inteligência emocional, como é conhecido Daniel Goleman, explica o termo como a capacidade que um indivíduo tem de gerenciar as suas emoções – significa ser capaz de reconhecer e controlar o que se sente de tal forma que as suas emoções não interfiram negativamente no seu dia a dia. Além disso, também está relacionado a ser capaz de se colocar no lugar do outro e criar relacionamentos saudáveis com as pessoas que te cercam.

Segundo um estudo no livro de inteligência Emocional 2.0, diz que a performance no trabalho depende 58% da inteligência emocional. Além disso 7 em cada 10 profissionais com alto QI são superados por aqueles que tem alta inteligência emocional. Outro estudo de comportamento profissional realizado pela multinacional Johnson & Johnson revelou que os profissionais com melhor desempenho também tinham os níveis mais altos de inteligência emocional.

Em tempo de pandemia as empresas tem buscando profissionais que consigam encarar as adversidades e que tenham maior habilidades interpessoais e que sejam capazes de lidar com conflitos internos e externos.

 As vantagens de se ter a inteligência emocional o torna um profissional mais preparado para lidar com tudo aquilo que o mundo corporativo exige, reuniões desafiadoras, conflitos com membros de equipe, capacidade de se auto motivar em situações frustrante e situações ao lidar com o cliente insatisfeito e mal educado.

Podemos citar algumas sugestões e dicas de como ter a inteligência emocional em seu ambiente de trabalho: É muito fácil se deixar levar por emoções negativas, não é mesmo? A partir do momento em que aprender a lidar com essas emoções no ambiente profissional, com certeza o seu dia a dia de trabalho será mais leve e menos sobrecarregado.

1.CONTROLE NAS EMOÇÕES: Quando alguém ou determinada situação estiver te incomodando, evite tirar conclusões precipitadas e já focar no lado ruim. Tente observar o que está acontecendo de maneira objetiva e sob diferentes perspectivas. Não fique remoendo, busque soluções! Profissionais inteligentes emocionalmente não permitem que seus impulsos os dominem. Reconhecer suas reações e seus sentimentos é fundamental para o desenvolvimento da inteligência emocional no trabalho. Todo profissional precisa desenvolver o autocontrole e estar preparado para resolver problemas e enfrentar desafios diariamente.

2.COMUNICAÇÃO CLARA E OBJETIVA: Pessoas emocionalmente inteligentes focam em se tornarem boas comunicadoras no ambiente de trabalho. Elas se afastam de uma comunicação agressiva ou passiva e são capazes de colocar as suas opiniões na mesa sem faltar com o respeito. Em um exemplo prático no qual a reunião com o seu chefe é muito ruim, pare e pense no que provocou isso e como você pode trabalhar para que os mesmos problemas não se repitam. Ao ser capaz de identificar o que não está ocorrendo tão bem, você tem maior probabilidade de abordar o conflito de uma maneira mais inteligente. Ser um bom comunicador nesses momentos é essencial para não deixar as emoções dominarem e conduzirem de maneira errada as conversas profissionais que necessitam de calma e paciência.

3. AUTO MOTIVAÇÃO: Ao longo da vida somos surpreendidos por inúmeras situações, altos e baixos, que nos fazem perder a vontade de continuar lutando e indo atrás do que queremos. Nessas horas, é importante ser capaz de se manter motivado, caso contrário, você irá desistir diante da primeira dificuldade. A automotivação é essencial no ambiente de trabalho, pois caso contrário você irá desistir diante da primeira frustração. Uma dica é praticar o otimismo, evitando pensamentos pessimistas e reclamações constantes.

4. COLOCAR-SE NO LUGAR DO OUTRO: Ter empatia é muito importante para entender suas decisões e irá te tornar uma pessoa mais aberta e sensível. A empatia é essencial no ambiente de trabalho, pois ser capaz de se colocar no lugar dos outros é importante para entender como eles se sentem em variadas situações.

5. SUAS HABILIDADES INTERPESSOAIS: Também é relevante para ter uma vida mais equilibrada, ter relacionamentos saudáveis com pessoas ao seu redor, o que torna nossa vida melhor, desenvolver nossas habilidades e estar sempre pronto a escuta ativa, sendo proativo e protagonista de nossa própria história, nós somos responsáveis pelas nossas atitudes e emoções sendo elas o reflexo de nossa personalidade e nos define como pessoa e como profissional.

Gostou? Conta pra nós ai nos comentários.

Se precisar de ajuda, fale com o Sebrae. Ligue para 0800 570 0800 ou pode chamar no WhatsApp clicando aqui 😀

 

 

Empreendedorismo Feminino 👠

Comunidade Sebrae
Dianalu de Almeida Caldato
Dianalu de Almeida Caldato Seguir

Empreendedora e Consultora de Negócios - SEBRAE-PR

Ler conteúdo completo
Indicados para você