[ editar artigo]

Nesse período de quarentena, saiba de que forma você pode apoiar mulheres empreendedoras

Nesse período de quarentena, saiba de que forma você pode apoiar mulheres empreendedoras

Neste período de quarentena, mais de 10% dos negócios do país estão parados. Desta porcentagem, mais de 50% dos empresários são micro e pequenos empreendedores que estão buscando meios para se reerguer. Essa parcela por ser grande afeta não só a economia do país, mas a vida de comerciantes, e principalmente a vida das mulheres que são empresárias, que segundo a plataforma Rede Mulher Empreendedora, pelo menos 45% delas sustentam a casa sozinha e 6 milhões são mãe solo. Ou seja, o cenário para elas é ainda mais delicado.
 

A pesquisa "Mulheres negras - saúde financeira e expectativas diante da covid-19" aponta que 79,4% das empreendedoras que são negras infelizmente não têm reservas financeiras para manter o negócio diante do atual cenário econômico gerado pela pandemia. 48% delas dizem que a principal necessidade neste momento é garantir recursos para manter o negócio ativo, já que para a grande maioria das empreendedoras a despesa mensal média do estabelecimento fica entre 1 mil e 5 mil reais, orçamento muito mais alto do que a própria ajuda oferecida pelo governo federal, que é um benefício mensal de R$600 para micro e pequenos empresários.

Diante desses dados e deste cenário, como nós brasileiros podemos ajudar essas mulheres que têm causas ainda mais fortes??? Mulheres que são empoderadas e que dão duro no serviço para levar o pão de cada dia para casa estão passando por uma crise ainda mais complicada, já que elas formam quase metade dos pequenos negócios do país, ainda têm mais dificuldade para acessar crédito, não recebem apoio governamental, têm menos investimento e além disso ainda lidam com falta de equilíbrio entre o cuidado com a empresa e com a família. Por conta dos filhos não poderem ir para a escola, essas mulheres precisam de ainda mais energia para conduzir ao mesmo tempo o serviço doméstico, empresarial e ainda fazer o papel de mãe.


Unidas somos mais fortes! 💪🏼💅👠


Ana Fontes, que é a empresária da Rede de Mulher Empreendedora, tem incentivado muitas mulheres a comprarem produtos e serviços das outras, pois esse é o momento em que todas precisam se apoiar. Como a situação está bastante complicada, por meio de cursos gratuitos sobre empreendedorismo e demais estratégias de marketing e entre outros, a intenção da campanha é melhorar o cenário produtivo dessas mulheres e reforçar ainda mais a causa nas redes sociais para que essas empreendedoras possam se reerguer juntas

A TEAR, Rede de iniciativas femininas, também foi outro grupo que se solidarizou com este momento e criou um círculo de conversas entre mulheres empreendedoras. A ideia é que o espaço funcione como um grupo de apoio em que de forma online as mulheres possam compartilhar experiências e trocar ideias que sejam vantajosas para todas. A proposta inicial era abrir espaço para acolhimento e agora o planejamento é caminhar para amenizar questões práticas e pensar no futuro.

Na internet uma campanha que chamou muito atenção foi a hashtag #compredopequenonegócio. Essa foi uma corrente do bem que impactou positivamente os estabelecimentos geridos por mulheres já que essa união fez a força de muitos empresários, sem existir rivalidade ou concorrência entre eles. A internet de fato tem promovido grandes momentos para os pequenos empreendedores neste período de crise.

Portanto, aproveite este momento em que a tecnologia está ainda mais a nosso favor para usufruir das redes sociais e compartilhar conhecimentos, fazer troca de serviços e alinhar parcerias. É uma forma de cada empresária ter um espaço nas redes sociais das outras e assim fazer o trabalho crescer, tanto midiaticamente quanto financeiramente. Invista na sua comunicação e faça, por exemplo, lives com empresárias do seu setor para compartilhar ideias com clientes e demais profissionais, promova promoções e sorteios em conjunto para atingir mais pessoas que se interessam pelo seu trabalho, e lembre-se sempre que os canais de comunicação servem como uma grande ferramenta de venda. Aproveite a amplitude da rede social para fazer o seu serviço decolar.       
 

Case de sucesso que melhorou o rendimento de pequenos negócios na crise
 


Em Porto Nacional, no Tocantins, duas empreendedoras chamadas Dane Mecenas e Vanessa Oliveira se uniram, neste período de isolamento social, para ajudar não só seus próprios negócios, mas os dos demais empresários locais que começaram a sentir o baque da pandemia. Diante disso, foi criado por elas o catálogo digital Porto Delivery, que reúne contatos de WhatsApp de diversas empresas e automatiza o serviço das que estão efetuando entrega de produtos no balcão ou por delivery.  No catálogo o cliente consegue clicar na logo do serviço ou produto que deseja, e desta forma ele é automaticamente direcionado ao atendimento online do estabelecimento.

Com apoio do Sebrae a iniciativa se popularizou e já conta com a participação de mais de 100 empresários. Foi uma forma de continuar movimentando a economia local e também de alertar os consumidores sobre as empresas que continuaram ativas nesta quarentena. A ação tem o intuito de valorizar os pequenos negócios e mostra como a união de duas empreendedoras pode melhorar a vida de tantos empresários.

Aproveite esse exemplo de sucesso e pare para refletir sobre como a sua empresa pode chegar neste patamar. O texto "Dica para seus sonhos, metas e objetivos" com certeza te dará boas ideais para esse momento de reflexão. Interaja também com a gente nas redes sociais.        
 

Nesse período de crise, unir as forças é uma grande estratégia. Para você mulher que quer se reinventar e atingir bons resultados antes mesmo da crise acabar, esse é o momento de se juntar com outras empreendedoras e abusar da criatividade. Duas cabeças pensando juntas geram um resultado ainda melhor, por isso alinhe parcerias pensando no futuro da sua empresa!

 

Juntas somos mais fortes!!

 

Se você tiver dúvidas, questionamentos ou quiser direcionamento de como agir no seu negócio, em meio ao Coronavírus, entre em contato com nossa equipe, através dos canais digitais abaixo.

🔵 Atendimento Digital SEBRAE 🔵

WhatsApp / Chat / Facebook / E-mail  ou 0800 570 0800

 

Empreendedorismo Feminino 👠

Comunidade Sebrae
Sebrae Paraná
Sebrae Paraná Seguir

Especialista em Pequenos Negócios - Atendimento ao Cliente | Marketing | Marketing Digital | Finanças | Gestão | Empreendedorismo | Comunicação | Inovação

Ler conteúdo completo
Indicados para você