[ editar artigo]

Superação e amor me trouxeram até aqui!

Superação e amor me trouxeram até aqui!

Meu nome é Camila Vargas dos Santos, tenho 31 anos, moro em Mangueirinha, a mais de 10 anos. Minha trajetória enquanto cabeleireira começou na cidade vizinha Honório Serpa, onde na minha adolescência trabalhei como manicure. 
Desde muito pequena nunca me vi fazendo outra coisa, e, como manicure tive uma professora que faz hoje como hobby as mais lindas unhas (minha mãe Sonia).

Quando eu tinha  14 anos eu e minha mãe fazíamos unha a domicílio nos sábados para complementar a renda e quando tinha eventos em Honório Serpa/PR nós fazíamos a produção completa.

Com uma aceitação muito boa comecei a atender em uma pecinha lá de casa, porque como tinha que atravessar a cidade a pé, perdia muito tempo de uma casa para outra.
Com 18 anos eu aluguei um espaço para trabalhar definitivamente com isso, e foi quando comecei a namorar o André meu marido. Até dava dinheiro, mas, eu era muito desorganizada financeiramente e não entendia que para um negócio prosperar tinha que ter uma organização em todos os sentidos.
Nos casamos André e eu, e viemos para Mangueirinha fui trabalhar no Salão de outra pessoa como manicure lá foi onde fui formando uma clientela e as pessoas conhecendo meu trabalho. 
Como vocês sabem a vida é cheia de idas e vindas, somos a somatória de tudo isso, então fiquei grávida e no fim da gestação voltamos para Honório Serpa/PR e parei de trabalhar como manicure, fazia algumas coisas para amigas que me procuravam lá em casa.
Agora nós tínhamos um filho para sustentar e trabalhei alguns meses em um mercado até novamente conseguir voltar a trabalhar no que realmente nasci para fazer.
Voltamos para Mangueirinha e este foi realmente um recomeço e uma grande contribuição para o que sou hoje. 
Cheguei com muitas dificuldades financeiras pela desorganização mesmo, e fui trabalhar com o Antônio (cabeleireiro). O Antônio me ajudou muito foi uma pessoa muito importante, me ajudou a organizar as minhas finanças fazendo por mim o que um pai faz por uma filha. O meu início como cabeleireira foi lá com o Antônio, que foi me ensinando tudo que ele sabia sobre corte, coloração, entre outros procedimentos, foi um ano e meio de muito aprendizado.
Em meio a isso fui convidada para trabalhar na Clínica Eudora o qual foi uma ótima experiência mas por um curto espaço de tempo.
Voltei a trabalhar em casa, vale ressaltar que as minhas clientes sempre me procuraram independente de onde eu estava atendendo, fosse em um salão bonito ou na simplicidade da minha casa. Meses depois me fizeram uma proposta para comprar a Clínica Eudora o qual imediatamente passou a ser chamado Salão da Camila. Foi a realização de um sonho e novamente agradeço as minhas clientes que continuaram   a prestigiar meu trabalho.
Estava indo muito bem, mas passamos por algumas dificuldades e o custo do Salão era muito alto e vi meu sonho desmoronar. Mas somos como fênix sempre renascemos das cinzas e comecei novamente a luta sempre com o apoio de meu marido André. Passamos por momentos muito difíceis novamente estava com dívidas e precisando me organizar, mas medo do trabalho nunca tive então arregacei as mangas e fui a luta.
O André nessa época começou a trabalhar em dois empregos e conseguimos dar a volta por cima. Neste momento, uma pessoa que também me ajudou muito foi o Braga o qual temos uma parceria de trabalho até hoje.
Superadas as situações difíceis, hoje estou em espaço muito bom, com uma equipe maravilhosa que posso contar sempre. A Jaqueline é a pessoa que está a mais tempo comigo e vivenciou parte da minha trajetória.Mas a nossa vida é cheia de pessoas indo e vindo e a Ana Julia e a Amanda também abrilhantaram essa equipe. 
Ainda o Salão da Camila têm parceria com outros profissionais que enriquecem o atendimento, porque a indústria da beleza está ficando cada vez mais exigente e oferecer serviços diferenciados no mesmo espaço proporciona maior comodidade aos nossos clientes.
Ser dono do próprio negócio é responsabilidade sua, pagar seu próprio salário e dos demais que te auxiliam e a pandemia bateu as nossas portas e tivemos que nos reinventar, as mídias sociais foram um importante aliado neste momento, estamos passando por um momento difícil mas, tenho só a agradecer  conseguimos manter os nossos serviços e a renda.

Como já mencionei sobre a minha desorganização financeira, adotamos um programa onde tudo é controlado e têm dado muito resultado e isso agradeço ao meu Companheiro André que faz toda essa organização, pois temos que pensar no Salão da Camila com a empresa que realmente é! Isso para mim foi um amadurecimento enquanto empreendedora, hoje temos um orçamento para os produtos, para pagamento dos colaboradores, meu pró labore, e principalmente para a poupança como um fundo para emergência e investimentos.
Demorou um pouco para eu entender que nunca devemos misturar o orçamento doméstico com os negócios.   
Tenho como meta me aperfeiçoar como profissional, ter um espaço maior e ampliar a equipe tanto a permanente, quanto às parcerias  que têm se mostrado muito eficiente.
Essa é a minha história onde precisei de ajuda de muitas pessoas para chegar até aqui, e digo a vocês estou em um constante aprendizado e tenho que me reinventar diariamente para poder conquistar meu espaço.
          

Empreendedorismo Feminino 👠

Comunidade Sebrae
Ler conteúdo completo
Indicados para você