[ editar artigo]

Educação 5.0

Educação 5.0

No dia 30 de novembro, realizamos a primeira MeetUp EdTech do Tech By Sebrae e da Educação Empreendedora do Sebrae/PR, sobre Educação 5.0, com a participação dos convidados especiais Rawlinson Terrabuio, da Beetools e José Motta Filho, Marlon Brunetta e Paulo Tomazinho da Moonshot Educação.

O Prof. Motta começou o bate papo fazendo uma provocação sobre as "verdades inconvenientes e convenientes" do mundo da educação e abordou em sua fala a aceleração da migração do presencial para o digital em 2020 e deu como chave para esse processo a experimentação. Ele ainda trouxe que o mundo VUCA que tanto se fala nas conversas sobre inovação já é coisa do passado; que o mundo que vivemos hoje é BANI (ou QANI, em português): Quebradiço (Brittle), Ansioso (Anxious), Não-Linear (Non-Linear) e Incompreensível (Incomprehensible).

Na sequência, o Prof. Marlon compartilhou a sua história e transformação no papel de professor. Ele comentou que dava aulas super tradicionais e era muito bom nisso - a satisfação dos alunos era alta, notas boas, elogios... Mas que, de uns anos para cá, ele percebeu que os mesmos métodos já não funcinavam mais. E aí veio a necessidade de mudar. E com ela, vieram as inseguranças. Inquieto, buscou um grupo de pesquisa na academia e lá descobriu que não estava sozinho em suas inseguranças e medos e que a mudança era possível. Em sua fala, ele abordou ainda todas as mudanças percebidas na educação a partir de um olhar para a sala dos professores e a estante dos professores, hoje virtual e repleta de metodologias ativas e inovadoras para potencializar a aprendizagem do aluno.

O próximo a contribuir com a conversa foi o Prof. Tomazinho. Em uma aula dinâmica e profunda, abordou a questão essencial da diferença e da distância entre ensino e aprendizagem, com a provocação de que muitos professores vivem sob a ilusão do ensino, não atuando efetivamente no processo de aprendizagem dos seus alunos. O professor comentou ainda sobre a necessidade de desenvolvermos as digital skills, habilidades para lidar com as tecnologias e inovações, e também as human skills, para darmos conta das relações, da criatividade e de tudo aquilo que a máquina não faz.

Para fechar as apresentações com chave de ouro, Rawlinson trouxe o viés da prática do empreendedorismo e inovação na educação, contando sobre a sua trajetória e a trajetória dos seus empreendimentos: a Beetools, a Beenoculus e a Junglebee. Rawlinson abordou ainda a fisicalidade e o importante papel da digitalização e do uso da tecnologia para facilitar a aprendizagem, mostrando como o método desenvolvido pela Beetools para a aprendizagem de inglês reduz em 1/3 o tempo de formação no idioma - um dos motivos que transformou a startup em referência no segmento de EdTechs em todo o mundo. O empreendedor também comentou sobre a transformação que mesmo o seu negócio já inovador teve que passar diante do cenário de 2020.

Como fala de encerramento, os convidados comentaram perspectivas para 2021 no segmento das EdTechs e dicas do que os empreendedores devem ficar de olho - vale a pena conferir!

Confira o bate papo completo aqui:

 

Confira também as sugestões de leitura e links compartilhados pelos convidados:

Conta pra gente aqui nos comentários quais insigts mais te marcaram no bate a papo e qual a sua perspectiva em relação a essa nova Educação! 

Empresas Inovadoras

Comunidade Sebrae
Vivian Escorsin
Vivian Escorsin Seguir

Eu acredito que podemos transformar o mundo por meio da educação e da colaboração e que a criatividade é uma habilidade de todos, que depende de um ambiente seguro de prática para se expressar e gerar inovação e negócios. :)

Ler conteúdo completo
Indicados para você