[ editar artigo]

A contabilidade pode salvar seu negócio!

A contabilidade pode salvar seu negócio!

Olá tudo bem?

No último artigo que escrevi eu falei um pouco sobre o Quociente de Capitalização que é o índice encontrado quando dividimos o resultado do crescimento em vendas pelo Patrimônio Líquido, de um ano para outro.

Mas aí, talvez você tenha se perguntado: O que é Patrimônio Líquido?

Então esta nova postagem é para  falar um pouquinho do Balanço Patrimonial e sua importância na Organização Econômica, Financeira e Patrimonial da Empresa.

O Balanço Patrimonial é um demonstrativo contábil que é apresentado, na maioria das vezes, em formato de T onde teremos a separação das informações em contas de Ativos, Passivos e de Patrimônio Líquido.

Balanço Patrimonial: O que é, para que serve e como analisar

As Contas de Ativos são apresentadas no lado esquerdo do balanço e correspondem a Bens e Direitos da empresa e representam o saldo das contas no último dia do mês ou do ano. Entre as Contas de Ativos nós temos os saldos das contas de Caixa, Bancos, Saldo de Clientes a Receber, Valor de Máquinas e Equipamentos, Imóveis, Veículos, Adiantamentos à Fornecedores.

As Contas de Passivo são apresentadas no lado direito do balanço e correspondem a todas as Obrigações da empresa com terceiros e também são representadas com os saldos das contas no último dia do mês ou do ano. Fazem parte desse grupo de contas os Impostos a Pagar, Salários a Pagar, Fornecedores, Empréstimos e Financiamentos, outras contas com provisionamento.

No Balanço Patrimonial, o saldo total das Contas devem ser Iguais, onde o total do Ativo deve ser igual ao total do Passivo.

E o grupo de contas utilizado para balancear essa equação é o grupo de Patrimônio Líquido.

Imagine que uma empresa resgata todos os seus Bens e Direitos  e líquida todas as suas Obrigações. O que sobra é o Patrimônio Líquido.

Então podemos dizer que:

Ativo = Passivo + Patrimônio Líquido.

Dentro do Patrimônio Líquido nós temos as contas de Capital Social inicial, que foi o recurso usado para iniciar a empresa e o resultado de Lucro ou Prejuízo da Empresa no período.

A importância de manter a escrituração contábil organizada é justamente para saber como está evoluindo a empresa. Se está reduzindo em seu balanço o saldo do Patrimônio Líquido, significa que a empresa não está sendo rentável.

Por outro lado, um Patrimônio Líquido muito alto também pode demonstrar um gerenciamento incorreto dos recursos, pois o mesmo poderia estar sendo aplicado no negócio para acelerar a sua alavancagem, melhorar seus processos, etc.

E na sua empresa, como está seu PL?

 

 

 

Finanças e Tributos

Comunidade Sebrae
Michael Pieri
Michael Pieri Seguir

Eu sou Contador, sócio de um escritório de contabilidade mas também tenho outros negócios e interesses conectados ao ambiente empresarial, tecnológico e comercial. Atuo como consultor de negócios e ajudo empresas através da contabilidade consultiva.

Ler conteúdo completo
Indicados para você