[ editar artigo]

Desmistificando Mitos Financeiros

Desmistificando Mitos Financeiros

Quando falamos em Rendas, no plural, acreditamos que quanto mais ganhamos mais seguros estamos, porém, de nada adianta você ter uma Renda Extra se essa renda é comprometida integralmente nos custos da casa.

Uma renda Extra deveria ser vista como Extra mesmo, para utilizar em casos de emergência, investimentos, e não para Complementar sua renda principal nas contas pessoais.

Também englobamos nisso, a segunda renda da Casa, é muito importante o planejamento financeiro familiar para não depender 100% das duas rendas, caso uma delas falte, será mais complicado se reorganizar financeiramente.

O Indicado é criar uma reserva de emergência, e nunca comprometer toda a renda recebida pela família. Em tempos atuais guardar dinheiro não é fácil, mas, se existir um planejamento, um real planejamento, é possível se programar e manter um caixa reserva.

Comprar ou Alugar, hoje, mais do que nunca essa questão é relevante, até onde é realmente vantajoso comprar ao invés de alugar?

Em tempos de economia, mudanças climáticas, consciência ecológica, alugar, compartilhar, dividir se tornaram questões mais relevantes do que adquirir.

Essa decisão de compra vai mais do seu objetivo no momento do que uma real questão de retorno ou investimento, pois, se seu objetivo é realmente ter uma casa, um carro, e sua realidade financeira te permite isso, nada impede executar essa vontade. Porém, se sua realidade financeira não permite essa execução, vale você reavaliar essa necessidade.

Hoje temos opções de aluguel e compartilhamento que são mais viáveis do que a aquisição, um exemplo é o Uber, compartilhar uma corrida, principalmente em grandes cidades, se torna mais viável do que manter um veículo ou pegar um transporte público.

Em alguns lugares, alugar uma casa se torna mais viável, mesmo a longo prazo, do que adquirir um imóvel, pois engloba questões relacionadas a valor de entrada, juros e impostos. Claro que aqui pesa muito a questão do imóvel ser seu e você poder fazer o que quiser nele, mas em muitos locais, já é liberada a modificação do imóvel, desde que acordado em contrato, para modificações maiores, ou, que devolva o imóvel da forma que pegou.

Você não precisa ganhar mais para poder ou conseguir economizar, se você não tiver um planejamento financeiro definido, se você não se programar, reservar uma porcentagem do seu salário para um fundo de emergência ou uma poupança, não importa quanto você ganhe, você nunca conseguirá economizar.

Trace objetivos e metas, isso facilitará muito para você conseguir guardar dinheiro, defina prioridades, faça um projeto e coloque ele em prática.

Caso, mesmo se planejando você não consegue guardar dinheiro pois seus impulsos de compras são maiores, então planeje uma reforma na sua casa, uma troca de carro, direcione seus gastos para algo vantajoso e não apenas gaste seu dinheiro nas baladas de fim de semana ou todo em delivery.


E aí, gostou da publicação?

Conte nos comentários os mitos que você ouve por aí sobre finanças.

Se você ainda não faz parte da Comunidade de Finanças, não perca tempo e vem participar com a gente!


Texto inspiração:

https://www.infomoney.com.br/minhas-financas/3-mitos-financeiros-nos-quais-voce-deve-parar-de-acreditar/ 

 

Finanças e Tributos

Comunidade Sebrae
Marcela Lazzeri
Marcela Lazzeri Seguir

Secretária Executiva, MBA em Controladoria e Gestão Financeira. Assistente Administrativo e Apoio a Projetos no escritório de Toledo - Sebrae/PR.

Ler conteúdo completo
Indicados para você