[ editar artigo]

É possível investir através de uma Pessoa Jurídica?

É possível investir através de uma Pessoa Jurídica?

Fazer investimentos através de uma pessoa jurídica, além de fácil é extremamente comum.

Se você possui um capital na sua PJ e deseja investir por meio dela, este post é para você!

Cadastro de Pessoa Jurídica

O cadastro para a pessoa jurídica possui algumas peculiaridades em relação ao cadastro de pessoa física. Documentos como DRE, balanço patrimonial e declaração de faturamento dos últimos 12 meses são necessários, além da última alteração contratual.

Caso sua empresa não esteja atuando no mercado a mais de 12 meses, é necessário que o contador escreva uma justificativa simples explicitando o tempo de funcionamento da instituição; juntamente com o faturamento do tempo em que a empresa esteve em exercício.

Para conseguir todos os documentos necessários, os mesmo terão que ser solicitados para o seu contador. A ajuda dele será imprescindível para fazer o cadastro mais rápido.

Quais os produtos disponíveis para PJ?

Assim como as contas de pessoas físicas, o investidor que irá aplicar o patrimônio da sua empresa no mercado financeiro terá acesso a todos os produtos disponíveis na plataforma (caso ele invista através de uma corretora).

Porém, vale ressaltar que produtos como LCA e LCI que possuem a isenção de Imposto de renda para pessoa física, não possuem o mesmo benefício para pessoa jurídica!

Ou seja, os produtos passam a não ser vantajosos para quem investe através da empresa.

Outro ponto importante que o investidor deve ter em mente é que contas de PJ não podem investir no Tesouro Direto.

Mas isso não lhe impede de acessar os títulos do Tesouro Nacional. É possível negociar estes ativos via mercado secundário, por meio da mesa de renda fixa da sua corretora. Importante frisar que não são todos os papéis do tesouro que ficam disponíveis neste mercado secundário.

Entre os papéis do Tesouro que são passíveis de negociação, o mais usado pelas empresas é a LFT (Tesouro SELIC) que vai remunerar algo em torno de 100% da SELIC no período e é tido como o título mais conservador no mercado brasileiro.

Porém, dentro de uma plataforma de investimentos existem inúmeras opções de aplicações que ajudam o empresário a não ter o patrimônio da sua empresa corroído pela inflação, e ainda ganhar uma boa rentabilidade com o capital aplicado.

Existem fundos, conhecidos como DI, que são usadas pelas empresas como caixa da empresa, uma vez que o dinheiro pode ser movimento com liquidez quase que imediata.

A conta da PJ pode operar bolsa?

Sim.

Como podem haver vários sócios na empresa, no momento do cadastro é mencionado a pessoa que pode emitir ordens.

Geralmente, essa pessoa é o responsável pela empresa, ou seja, é a pessoa que assina pela instituição.

Caso os proprietários da instituição optem por colocar outra pessoa para emitirem ordens no nome da empresa, será necessário fazer uma procuração.

Vale a pena investir como PJ?

O cadastro de PJ é extremamente rápido e simples.

A partir do momento que o assessor tem em mãos todos os documentos necessários, o cadastro pode demorar até 3 dias úteis para ser habilitado.

A dica é: procure o seu assessor de confiança e comece a ganhar dinheiro no mercado financeiro!

 

Dúvidas? Deixe nos comentários!

Finanças e Tributos

Comunidade Sebrae
Ler conteúdo completo
Indicados para você