[ editar artigo]

O consumidor virou OMNICHANNEL: e agora?

O consumidor virou OMNICHANNEL: e agora?

Apesar da crise sem precedentes algumas coisas nesses últimos meses evoluíram significativamente, entre elas o perfil do consumidor, que se tornou multicanal. Hoje é possível comprar quase tudo de quase todos os lugares. 

É, sem dúvida alguma estamos vivendo uma nova era no consumo, as pessoas estão exigindo cada vez mais praticidade, querem a melhor experiência possível e ainda assim seguir as regras do distanciamento social. É aí, que o omnichannel ganha força.

Ser omnichannel é integrar todos os canais de vendas para proporcionar uma experiência incrível para os clientes. É o famoso "UAU"!

Nesse contexto é bom reforçar que não são mais as empresas que decidem a forma como irão se comunicar com os clientes, é o próprio cliente que decide qual é a melhor forma de entrar em contato com um determinado negócio. Ou seja, as empresas precisam ter multipontos de contato. 

Seja por afinidade ou por falta de opção, as pessoas estão cada vez mais realizando compras online e se conectando com empresas através das redes sociais e de chat boots. E quando os problemas surgem, utilizam esses mesmos mecanismos para colocar a boca no "trombone". Fazer a gestão de tudo isso é fundamental.

Para se ter uma ideia, produtos que levariam anos para atingir um bom percentual de compras online, chegaram até a 50% de vendas em três meses. 

Gerenciar essa nova jornada exige o uso de novas metodologias e estratégias. O momento pede urgência. Não se pode mais usar as técnicas de ontem, se quiser sobreviver amanhã. 

Faz sentido pra você?

Ambientes de Inovação

Comunidade Sebrae
Diogo Macenhan
Diogo Macenhan Seguir

Administrador, pós-graduado em Gestão de Pessoas com Coaching, consultor de negócios, especialista em MEG - Modelo de Excelência em Gestão, planejamento estratégico, inovação e metodologias ágeis. Palestrante e professor apaixonado.

Ler conteúdo completo
Indicados para você