[ editar artigo]

Urgência em Ensinar e Aprender sobre INOVAÇÃO?

Urgência em Ensinar e Aprender sobre INOVAÇÃO?

Este é um convite aos profissionais, aprendizes, parceiros e todos os cidadãos conscientes da importância da INOVAÇÃO para este momento da economia e da sociedade Global!

Onde, como, o quê, e, quando ENSINAR E APRENDER SOBRE INOVAÇÃO?

Para estas perguntas, vamos buscar percorrer alguns caminhos para fazermos juntos essa reflexão. Falamos, ouvimos e vemos o tema inovação sendo abordado em todos os cantos do planeta, com ainda mais frequência, desde que iniciou a pandemia.

Já abordei esse assunto em pelo menos metade dos meus posts aqui na Comunidade Ambientes de Inovação, mas percebo que cada dia que passa, ainda mais necessário se faz, trazer esse assunto para a análise de todos os cidadãos, pois acredito muito que, se toda a sociedade pensar e agir com um olhar da inovação, construiremos as mudanças necessárias em todos os setores da economia com maior velocidade e assertividade, não só no Brasil, mas em todo o planeta.  

Dia 19/10, segundo o calendário nacional de datas comemorativas, foi o dia Nacional da Inovação. Data importante pela sua necessidade, não somente hoje devemos lembrar da importância deste tema, mas da importância que este tema deve ter em todos os dias, em todos os modelos de organizações e para as pessoas. Não importa o setor em que atue, não importa qual nicho de mercado a empresa atende, não importa qual área o profissional atua, em qualquer meio e ambiente, hoje a inovação é tema premente para as nossas conversas, e atitudes e precisamos discutir, analisar e trazer à tona em todos os ambientes.  

Mas, como fazer para que toda a população comece a pensar e refletir, de que maneira cada um pode contribuir para que essa grande transformação ocorra e de forma mais tranquila, inteligente e assertiva possível?

Como ocorre a assimilação de um conceito?

Vamos analisar como a assimilação de um tema emergente ocorre.

Há alguns anos atrás, começávamos a falar sobre Sustentabilidade e este tema tomou a maioria das conversas, inicialmente nas organizações, na gestão pública e automaticamente veio para as escolas, igrejas e famílias começaram a comentar e discutir o assunto. Então, hoje, pela necessidade premente, toda a sociedade sabe o significado de como contribuir para um mundo mais sustentável. Desde uma ação simples de coletar e separar um resíduo doméstico, até processos mais complexos de produção industrial. Ou seja, se tornou hábito normal e foi assimilado em nossas atitudes, leis, normas, conteúdos pedagógicos, acadêmicos e escolares, etc., porque a população de modo geral, compreendeu e assimilou a necessidade de se fazer diferente, para proteger, o que era mais importante para todas as pessoas, uma natureza mais limpa, uma sociedade mais justa e respeitada e o acesso digno de recursos à todos.  

Novamente nos deparamos com um cenário tão necessário quanto este processo que aconteceu com o tema sustentabilidade, porém percebo que agora o assunto emergente é INOVAÇÃO e este com grande urgência.

Entender o conceito para aplicar na prática!

Segundo o Manual de Oslo na sua última versão (2004), Inovação é

a implementação de um produto (bem ou serviço) ou processo novo ou significativamente melhorado, um novo método de mercado – marketing, ou um novo método organizacional, nas práticas de negócios, organização do local de trabalho ou relações externas para a empresa.

Porém, acredito que se dissermos que, a inovação é a capacidade de agregar valor (financeiro, ambiental, social) às ideias (criatividade), podemos perceber quão fácil fica de levarmos à qualquer pessoa a assimilação deste conceito e principalmente de visualização da aplicabilidade dela em qualquer meio. Porém, não vamos esquecer uma das principais premissas da inovação, que é suprir uma necessidade do meio. Seja com uma solução incremental ou uma solução radical.

Inovação – Segundo Wikipedia,

é uma palavra derivada do termo latino innovation, e se refere a uma ideia, método ou objeto que é criado e que pouco se parece com padrões anteriores.

Mas, como fazer?  

Acredito que este processo já está acontecendo, pois há pelo menos uns 3 anos que o tema Inovação vem aumentando sua presença em todos os congressos, eventos empresariais e também já chegando às universidades, políticas de governos etc. No ano de 2020, com tudo o que estamos vivendo, o assunto ficou muito mais urgente e surgiu como aquela luz no fundo do túnel, quando muitos pensavam: E AGORA, TUDO PARADO, O QUE VAMOS FAZER? A inovação, vem como a maneira, método, solução, estratégia, etc., para reinventar as empresas, os processos, as políticas, as escolas e maneira de educar nossa sociedade como um todo.

Acredito que já levamos um banho de inovação no decorrer deste ano, com o que ocorreu, e como as soluções foram surgindo em nossas vidas. Mas, precisamos mais! Então, aqui vai!

Proposições como indivíduo, para exercitar

Além de abordar o assunto quero propor, que você leitor reflita e defina atitudes diferentes e inovadoras em sua vida:

  • Onde eu posso inovar na minha casa, no meu quarto, no meu jardim, na minha família? Onde tem algo que não está confortável e posso fazer diferente?
  • O que eu posso fazer diferente nesse ambiente? O que é possível mudar e tornar minha vida e dos que convivem comigo, melhor, mais agradável, mais aconchegante e mais saudável? Em que assunto dentro de casa, posso inovar para economizar e menos desperdiçar?
  • Na minha lista de coisas boas deste momento, o que eu posso transformar e compartilhar como mais pessoas e que possam solucionar problemas, fazendo com que a vida se torne melhor.
  • Que mudança de hábito posso implementar à minha vida e torna-la mais saudável e promissora (alimentar, emocional, espiritual, físico, saúde, etc.)?
  • Na escola dos meus filhos – este tema é falado? Converso em casa sobre o tema com meus familiares?
  • E ainda: 
  • Liste o que não está bom e precisa mudar, precisa inovar e agregar valor no seu mundo doméstico. E faça uma coisa por vez, aprenda e vá para a próxima ideia!
  • Adote um tema de estudo diferente que traga conhecimento, prática e melhoria para a vida doméstica e de sua família.

Da consciência para a prática individual

Desta maneira, o seu ambiente começa melhorar e a ideia de inovar e agregar valor começam a fazer parte da vida como um hábito novo e a consciência aumenta sobre todos os aspectos e vai se estendendo ao mundo exterior, seja ele profissional, educacional, relacional, etc.

Em todos os meios que olharmos, se faz necessário grandes mudanças e inovações, mas estas ocorrerão com maior facilidade dependendo do nível de consciência que os envolvidos tiverem.

Mais proposições:

  • As escolas precisam tratar o tema inovação desde o ensino fundamental? Com certeza, o despertar da consciência de inovar e empreender começa mais cedo e os nossos adolescentes, serão melhores empreendedores e inovadores nato, no meio onde estiverem como profissionais. Eu, como mãe posso propor a escola dos meus filhos e é assim que as vezes começa uma grande transformação (Isso ocorreu comigo).
  • Criar mais políticas de fomento à inovação em todo e qualquer formato organizacional, contribuir para que esse movimento de inovar e suprir as necessidades da sociedade ocorra mais rapidamente e de forma eficiente e eficaz.
  • Como profissional, independente do setor em que atue, cobrar mais da empresa onde trabalha, contribuir e exercitar na prática, as mudanças e inovações são necessárias.
  • Se você é empreendedor, então, não é mais proposição, é obrigação e sobrevivência inovar no seu serviço ou produto, na sua empresa, com sua equipe e com seus clientes. Discutir o assunto com seus colaboradores, trazer capacitações sobre o tema e fomentar o assunto diariamente nos processos internos.
  • Conhecimentos sobre inovação, são disponibilizados em muitas instituições que atuam há tempo na área, como: Sebrae, ANPEI, Incubadoras, Startups, Hubs de inovação, Empresas de inovação tecnológica, etc., e estas são também, disseminadoras para todos os meios. Conheça aqui na Comunidade Ambientes de Inovação, as histórias dos mais diversos projetos que ocorrem em nosso estado e como é fácil ter acesso.  

Um método simples

Se você percebe um problema,  reside ali uma necessidade de resolver, e uma imensa oportunidade para inovar. Siga o roteiro abaixo e veja como é fácil fazer na prática.

Um Convite

Podemos dizer que não tem jeito! Em qualquer lugar, em qualquer setor, em qualquer cultura, mas, a inovação é o tema do momento! Quanto maior for nossa dedicação em compreender e praticar, mais cedo venceremos os desafios e colheremos os resultados de uma transformação mais assertiva para todos.

Estude, comente, pratique e faça a inovação se tornar um assunto de todos os dias de sua vida, este é meu convite!

Meu sonho!

Desejo ver um mundo mais leve na sua maneira de viver, um mundo mais humano na sua maneira de tratar as pessoas, um mundo mais justo na sua maneira de tratar e respeitar as pessoas, um mundo mais limpo e saudável em todos os ambientes, um mundo mais digno para todos. E que a inovação contribua para que tudo isso possa ser mais que um sonho, a nossa nova realidade. Minha fé, diz que é possível, mas minhas ações é que irão mostrar a nova realidade mais próxima.

Bora trabalhar e divulgar a inovação, praticando em todos os cantos que estivermos!  Simples assim!

Acesse a Comunidade Ambientes de Inovação e se atualize com os conhecimentos e oportunidades que são divulgadas aqui diariamente.

Siga nossos escritores.

Irene Hoffelder Vioti - Consultora, palestrante e escritora nas áreas: Estratégia empresarial, sustentabilidade, inovação e storytelling empresarial.

Ambientes de Inovação

Comunidade Sebrae
Irene Hoffelder Vioti
Irene Hoffelder Vioti Seguir

Mestranda em Administração Estratégica de Negócios pela UNAM - Universidad Nacional de Misiones - Argentina. Consultora, palestrante, instrutora e escritora nas áreas: Estratégia empresarial, sustentabilidade, inovação e storytelling empresarial.

Ler conteúdo completo
Indicados para você