[ editar artigo]

IDEIAS QUE FAZEM PARTE DA SOLUÇÃO!

IDEIAS QUE FAZEM PARTE DA SOLUÇÃO!

Buscando resultados diferentes, empresária lança campanha para girar a economia em Guarapuava\PR.

Normalmente num mercado competitivo se destacam aqueles que são criativos, que inovam e conseguem mostrar as diferenças diante das adversidades. Isto se torna mais verdadeiro ainda, neste momento de crise que estamos vivendo.

Podemos encontrar soluções para os problemas, olhando para estratégias já utilizadas e que deram certo. Em outros momentos, não temos o passado para nos mostrar o caminho e é necessário avaliar todas as alternativas do momento e experimentar novas soluções. Provavelmente chegou a hora de experimentar coisas diferentes.

É verdade que mudanças repentinas podem trazer danos, mas não mudar pode ser ainda pior. E foi exatamente pensando em resultados diferentes que a empresária Renata Nizer foi em busca de novas ideias.

Pesquisando e se inspirando em outras soluções adotadas por outras cidades e por grandes empresas, ela achou uma solução para reinventar o comércio guarapuavano. Criou a campanha “Gira Guarapuava – Ajude a girar a economia”.  Esta campanha consiste em estimular os empresários a criarem de acordo com seu negócio, “vouchers” de descontos para serem consumidos futuramente. Ao invés de criar uma solução apenas para sua empresa, estimulou que mais empresários façam a mesma coisa. A ideia é envolver um número cada vez maior de empresários participando da campanha. 

Inicialmente foram criados os vouchers padronizados para serem distribuídos pelos empresários e para a divulgação aos clientes. Renata nos mostra que boas ideias precisam ser implementadas rapidamente, assim, ela validou no seu próprio Instagram o novo modelo de negócio e em seguida colocou em prática. Enquanto uma plataforma está em desenvolvimento para facilitar o processo, bem como administrar toda campanha, tudo já está acontecendo pelo Instagram @GIRAGUARAPUAVA.

A ideia foi ganhando apoio de diversas pessoas, onde de um lado estão os empresários que necessitam manter suas vendas, e do outro lado, consumidores que não foram afetados diretamente pela crise, que possuem uma reserva financeira ou até mesmo que vê uma oportunidade de desconto, fazendo assim a economia girar.

A empresária Renata, cita que algumas pessoas se sentem desconfortáveis em oferecer ajuda financeira ao profissional autônomo, por exemplo.  Pelo site, esta ação acontece como uma antecipação do pagamento pelo serviço.

Temos visto grandes empresas praticando esta ideia, mas vamos ver como funciona na prática quando se trata de pequenas empresas.

Todos podem ter ideias fantásticas para melhorar ou mudar uma situação, mas elas precisam de mais alguns ingredientes adicionais, como: iniciativa, agilidade e simplicidade.

 

Fabiola Cristhine

fccosta@pr.sebrae.com.br

 

Convido você para compartilhar suas dicas e experiências também.

 

O Sebrae está com atendimento 100% digital neste período. Mesmo de casa, vamos orientar você, com relação a sua empresa. Nos acione através dos seguintes canais: 🔵 WhatsApp / Chat / Facebook / E-mail 🔵

 

Gestão de Pessoas e Liderança

Comunidade Sebrae
Fabiola Cristhine
Fabiola Cristhine Seguir

Administradora. Especialista em Gestão de Negócios e Consultoria Empresarial. Consultora do Sebrae/PR e gestora de Empreendedorismo e Liderança.

Ler conteúdo completo
Indicados para você