[ editar artigo]

O papel do líder na retomada da economia

O papel do líder na retomada da economia

Com as mudanças drásticas causadas pela pandemia do novo coronavírus, os líderes de grandes e pequenas empresas precisaram adaptar de forma muito rápida os modelos de gestão de equipe. Se liderar presencialmente já não é uma tarefa tão fácil, imagine liderar à distância.

 

Home Office

Com o início da pandemia no Brasil, a partir da segunda quinzena de março, quase todo mundo precisou adaptar sua vida de maneira muito rápida. Não houve tempo para planejamento ou estratégias muito sólidas. De repente, empresas inteiras começaram a operar à distância, com funcionários em regime de trabalho home office. O papel dos líderes nesse momento foi fundamental para estabelecer novas regras,  novos combinados e novos formatos de trabalho. 

Os líderes também precisaram se adaptar de maneira instantânea, colocando em prática tudo o que aprenderam com o tempo sobre gestão de pessoas. Se antes a liderança já precisava estar atenta aos meios mais efetivos para gerir equipes, agora precisam ser ainda mais cautelosos na condução do time.

Mas, se antes algumas empresas e organizações acreditavam ser impossível operar de forma remota, agora elas começam a perceber as vantagens de trabalhar em regime home office, pelo menos em algumas operações.

 

Como os líderes podem (e devem) contribuir com a retomada da economia?

Bem, o papel do líder em momentos de crise é o mesmo que em outros momentos: respirar fundo e tomar as melhores decisões para o negócio, baseando suas escolhas não somente naquilo que acredita, mas a partir de dados, estudos, planejamento estratégico e claro, o alinhamento com sua equipe. Falando assim parece fácil, mas sabemos que não é tão simples assim.

Para que a saúde financeira da empresa, bem como a de sua equipe, permaneçam firmes e fortes, o líder precisa ser transparente sem mascarar ou omitir resultados.

Criar vínculos e engajar o time, fazendo com que todos caminhem para o mesmo lado, gera um sentimento de empatia e responsabilidade da equipe com a empresa, fazendo com que os funcionários sintam-se realmente pertencendo ao grupo. Isso é fundamental para manter a motivação e o engajamento dos colaboradores. Você já sabe que funcionários que se sentem valorizados, e reconhecidos, vestem realmente a camisa da empresa e são capazes de aumentar sua performance, qualquer que seja sua atribuição.

Se você tem papel de liderança no seu time, é fundamental que ouça e valorize ideias e opiniões de sua equipe, incluindo críticas sobre sua operação ou seu próprio negócio. Lembre-se que são eles que estão na linha de frente, muitas vezes coletando as dores e dificuldades do seu cliente final. 

Ouvir os funcionários, e criar junto com eles novas estratégias e soluções para os problemas, ajudará seu negócio a estabelecer metas, planejamento e crescimento, principalmente em momentos de incertezas.

Mais do que nunca é hora de inovar e não ter medo de colocar novas ideias em prática. Converse com seu time e descubram juntos como estabelecer as novas estratégias para o novo cenário da economia atual. 

 

Precisa de ajuda? Fale com o Sebrae: 0800 570 0800 ou acesse nosso Portal

Estamos com atendimento online, para você empreendedor ♥️ 

 

Gestão de Pessoas e Liderança

Comunidade Sebrae
Sebrae Paraná
Sebrae Paraná Seguir

Especialista em Pequenos Negócios - Atendimento ao Cliente | Marketing | Marketing Digital | Finanças | Gestão | Empreendedorismo | Comunicação | Inovação

Ler conteúdo completo
Indicados para você