[ editar artigo]

Polarity Thinking ™ na Gestão das Mudanças Organizacionais

Polarity Thinking ™ na Gestão das Mudanças Organizacionais

O mundo cada vez mais complexo, veloz, incerto e ambíguo exige dos líderes eficácia na gestão das mudanças necessárias para a sustentabilidade e avanço das organizações.

POR QUE PENSAR POLARIDADE?

No mundo atual de crescente interdependência e complexidade, é vital para os líderes o conhecimento de ferramentas que possibilitem uma visão completa e abrangente do problema, dos desafios e das soluções.

A tendência quando nos debruçamos na análise das alternativas de resolução ou direções estratégicas, é tomarmos um dos caminhos em detrimento do seu oposto. Por exemplo, se pensamos em ter uma organização com gestão mais centralizada, o natural é descartarmos qualquer menção a processos descentralizados, ou vice-versa. Outra dicotomia comum das discussões sobre mudança organizacional é relacionada ao modelo de gestão ser mais democrático ou mais diretivo, dentre tantos outros dilemas, que muitas vezes deixam os líderes temerosos sobre qual a melhor direção a seguir.

A proposta do Polarity Thinking  (pensamento por polaridades) é de integração, que começa com a identificação e compreensão dos aspectos positivos e negativos de ambos os lados das dicotomias,  criando ações de alavancagem para manter-se e  tirar o melhor proveito dos polos positivos dos dois, adotando o pensamento do “e” e não do “ou”. E, também, identificando e mitigando as ações que podem levar a liderança a cair no “porão” dos aspectos negativos das polaridades.

Na imagem abaixo apresento um exemplo do uso dessa ferramenta, com uma situação bem comum na vida diária de muitos de nós relacionada à dicotomia: manter-se em atividade e descansar.   Você pode observar que ambos têm aspectos positivos e negativos e quando exageramos num dos lados, nos afastamos do alcance do propósito maior e caímos no “porão” do temor mais profundo.

Polaridades são os dilemas e tensões que interferem nas decisões cruciais da organização, alavancando ou impedindo que ela se torne mais inovadora e mais relevante e sustentável no cenário de grande e rápida transformação no mundo.

Na abordagem do pensamento por polaridades, o líder desenvolve uma forma mais eficaz de abordar seus desafios e descobre como alavancar as polaridades essenciais para fazer as mudanças que o mundo atual exige.

O método do Polarity Thinking ™ foi criado por Barry Johnson Ph.D. e é utilizado por milhares de líderes e organizações de todo o mundo a mais de 35 anos.  O POLO de Liderança SEBRAE se aliou a Polarity Partnership, organização norte americana, para a disseminação do método do Polarity Thinking  no BRASIL. E, assim, ampliar  os limites do que sabemos e podemos fazer com os poderosos sistemas de energia contidos em todas as polaridades.

E você sabia que nos dias 1, 2 e 3 de outubro irá acontecer no SEBRAE em Curitiba uma turma do Curso Sete Mares da Liderança que vai aprofundar ainda mais este método? Para saber mais >>> clique aqui <<< 

E para se inscrever >>> clique aqui <<<

Não perca essa oportunidade, espero você...

 

 

 

Liderança

Comunidade Sebrae
Rosangela Maria Angonese
Rosangela Maria Angonese Seguir

Mestre em administração. Cursos de liderança na American University e Babson College nos Estados Unidos e OIT na Itália. Especialista em comportamento organizacional pela SBDG, UNAT e Rosa Krauz. Consultora no SEBRAE-PR

Ler conteúdo completo
Indicados para você