[ editar artigo]

As vantagens do pick up in store

As vantagens do pick up in store

A praticidade do e-commerce aliado ao conforto da loja física: essa é a premissa do pick up in store ou pick up store, uma prática do varejo que vem se tornando cada vez mais comum. O termo significa “retirar na loja”, e descreve a prática de oferecer ao cliente a possibilidade de comprar na loja virtual e retirar no balcão da loja física, com o apoio de um funcionário.

Pick up in store x pick up point x locker

Existem outras duas práticas relativamente similares ao pick up in store: o pick up point (ponto de retirada) e o sistema locker (armário).

No caso do pick up point, o consumidor compra o produto em loja virtual mas, ao invés de retirar na sede, faz a retirada em pontos físicos de empresas parceiras da loja. Pode ser uma alternativa interessante caso o seu negócio tenha apenas uma loja física ou poucas filiais - por meio das parcerias, você expande sua área de retirada a um custo menor.

No sistema locker, o consumidor também é encaminhado para retirar o produto em um ponto físico específico, mas, ao invés de ser atendido por um funcionário em um balcão, recebe um código para poder retirar dentro de um armário especial da loja. Esse sistema tem a vantagem de ser mais “automatizado” que os outros dois, sem a necessidade de colocar um funcionário para atender o cliente durante a retirada. Porém, exige uma tecnologia mais refinada, a princípio.

Por que adotar o pick up store?

O sistema pick up store tem se mostrado uma excelente alternativa para donos de lojas físicas que querem aproveitar os benefícios dos e-commerces. Eis algumas das principais vantagens do sistema:

  • Redução dos gastos com envio de produtos para o centro de distribuição da empresa

  • Redução dos gastos com frete e manuseio

  • Redução do preço final do produto, por conta do barateamento de outros custos

  • Possibilidade de oferecer diversos meios de pagamento (dinheiro, débito, crédito, boleto etc.) na retirada

  • Otimização do tempo de entrega (em geral mais curto do que o prazo para chegada do produto na casa do consumidor)

  • Aumento da circulação de consumidores na sua loja física

  • Aumento nas oportunidades de vender mais produtos na loja física (o cliente, que já conhece e confia na sua loja, pode “aproveitar a viagem” para comprar mais produtos)

Se o sistema for bem implementado, todos saem ganhando: o cliente se beneficia com a experiência mista, adquirindo o produto facilmente na loja virtual e sem complicações com frete; e o lojista atinge um público que, possivelmente, não alcançaria de outra forma que não o contato por meio digital.

Pensando em tendências, o pick up store é uma forma de se adequar à abordagem omnichannel (ou multi-canal), que tem se tornado mais comum conforme cresce o acesso à internet e a smartphones.

Pick up store na prática

O primeiro passo para implementar o pick up store no seu negócio é alinhar suas operações online e offline para que funcionem de maneira conjunta, sem que entrem em “competição”. Isso envolve, principalmente, uma integração dos estoques - o que evita desencontros nos pedidos.

Existem plataformas de gerenciamento desenvolvidas especialmente para esse tipo de gestão, além de plataformas mais amplas que incluem ferramentas próprias para unificação de estoques. Há uma grande variedade de opções à disposição do empreendedor atualmente.

Além disso, caso você pretenda adotar o pick up store (ao invés, por exemplo, do pick up point), é recomendável que tenha várias unidades (mais de duas, pelo menos), dando mais opções ao consumidor.

Também é preciso gerenciar com muita atenção e precisão as questões logísticas, pois nesse tipo de operação o consumidor espera poder retirar o produto sem grande demora, e um atraso pode fazer com que desista da compra e não volte mais.

 

Comunidade Sebrae
Ler matéria completa
Indicados para você