[ editar artigo]

8 Dicas de Marketing Digital para Agências de Viagens

8 Dicas de Marketing Digital para Agências de Viagens

Todo mundo ama viajar e as agências auxiliam na realização deste processo, que muitas vezes é a realização de um sonho. Embora as pessoas possam verificar tudo o que precisam na internet, a maioria não tem tempo para fazer estas buscas, que podem ser muito demoradas, e então buscam a agência de viagem para montar o roteiro perfeito.

Para ser encontrado e escolhido pelas pessoas é necessário investir em Marketing Digital. Pensando nisso, separamos algumas dicas para você aplicar em sua agência e atrair mais viajantes!

 

1. Construa um bom site

O seu site é a identidade online da empresa, é necessário estar presente neste meio porque é onde seu cliente está, assim como outras agências as quais ele pode recorrer. Seu site precisa mostrar os valores de sua empresa, apresentar sua proposta de serviço e proporcionar uma boa experiência para seu potencial cliente. Por isso, é importante prestar atenção aos seguintes fatores:

Design

Pense no seu usuário ao investir no design do seu site, foque em algo simples, mas visualmente agradável. Torne a navegação fácil, de forma que seja intuitivo encontrar o que se procura. Muitas vezes menos é mais!

Responsividade

Hoje em dia as pessoas acessam a internet simultaneamente em mais de um dispositivo, seu site precisa estar preparado para se adequar a todos os meios por onde possa ser acessado, isso se chama responsividade. Sabe quando você acessa um site lindo pelo computador, mas pelo celular ele fica desconfigurado? É isso que você deve evitar em seu site.

Conversão

A conversão é qualquer tipo de ação que o usuário acesse que o leve a compra. É importante deixar uma proposta de valor clara e botões que o incentivem a comprar efetivamente. Vale lembrar que se o usuário conseguir encerrar a compra diretamente no site você possui menos chance de perde-lo, já que hoje em dia as pessoas preferem evitar ligações.

 

2. Tenha um blog

No blog é ideal que você siga as mesmas boas práticas do site, porém ele possui uma função diferente. Enquanto seu site tem a proposta de apresentar sua marca, suas ofertas e levar o cliente a compra, o blog tem foco em atrair, encantar, ajudar, educar e somente depois orientar os clientes a compra.

Invista em conteúdo relevante e que crie valor para sua marca em seu blog. Podem ser dicas de destinos ou qualquer assunto que sua persona possa se interessar.

 

3. Crie conteúdo relevante

As pessoas estão o tempo todo pesquisando informações sobre viagens na internet, como, por exemplo, “Quanto custa viajar para Londres?” ou “Onde comer em Curitiba?”. Sua agência pode responder questões assim com conteúdo interessante e otimizado, isso levará o cliente até seu blog e fará ele conhecer sua marca, além de gerar confiança, o que potencializa as vendas.

 

4. Crie promoções

Todo mundo quer viajar e promoções sempre chamam a atenção. Crie pacotes diferentes e ofereça oportunidades para o cliente desfrutar de serviços VIP em datas estratégicas, como baixa temporada por exemplo.

 

5. Seja visual

Utilize fotos e vídeos na sua comunicação com os clientes, seja no site, blog ou redes sociais. O conteúdo visual proporciona maior engajamento do que os textos e na área de turismo ele se torna mais atrativo e relativamente fácil de executar. Invista em fotos de destinos, experiências e viagens em geral, isso desperta o interesse e chama a atenção, aumentando as chances de realizar a venda.

 

6. Use as redes sociais

Atualmente é fundamental estar presenta nas redes sociais se quiser ser visto e lembrado. Mas isso não significa que sua agência precise estar presente em todas. Identifique onde sua persona está e invista nesta.

O Instagram tem crescido muito ultimamente e proporciona maior contato entre marca e consumidor, além de se basear em imagens, o que é ótimo para sua agência de viagens.

O Facebook também pode ser uma rede social estratégica, dependendo de sua persona, uma vez que conta com canais de atendimento e ainda hoje é acessado por muitas pessoas.

Ainda pode-se pensar em outras redes como Pinterest, focada na divulgação de imagens ou o YouTube, caso queira criar vídeos para educar o mercado e gerar interesse. Existe ainda o LinkedIn, mas pense nele apenas se o seu conteúdo for mais focado em negócios, uma vez que esta é o intuito da rede.

 

7. Invista em e-mail marketing

Embora muitas pessoas acreditem que e-mail marketing não da resultados hoje em dia, a maioria dos adultos online utiliza e-mail.  Ele é uma oportunidade de estabelecer um relacionamento mais próximo com seu cliente, oferecendo conteúdo e ofertas, o que aumenta as chances de compra.

Você pode construir sua lista de e-mails inserindo aqueles pop-ups de tela no seu site, incentivando as pessoas a preencherem um campo com o e-mail em troca de descontos ou de materiais. Lembre-se que você só pode contatar um cliente que permitiu receber e-mails, caso contrário ele pode ficar irritado com a marca.

 

8. Use reviews e avaliações de clientes

Uma das coisas mais valiosas para qualquer negócio do setor de turismo são avaliações e comentários de outras pessoas. Os comentários atestam a qualidade do seu serviço, funcionando como prova social e influenciando (para o bem ou para o mal) a intenção de compra dos potenciais clientes.

Por isso, destaque os comentários positivos, coloque-os em seu site, poste em suas redes sociais e incentive seus clientes a avaliarem seu negócio em sites de viagens, no Google e no Facebook.

 

Você já utiliza algumas destas dicas? Ficou faltando alguma que você acha importante? Compartilha com a gente aqui nos comentários 😉

 

E se ainda não faz parte da Comunidade de Negócios em Turismo, não perca tempo!
Vem participar e receber os melhores conteúdos 💪

Negócios em Turismo

Ler conteúdo completo
Indicados para você