[ editar artigo]

O que você conhece sobre liderança colaborativa no turismo?

O que você conhece sobre liderança colaborativa no turismo?

Explicar o conceito passa pela desmistificação do que é de fato turismo, e de suas possibilidades para desenvolver; conhecer as possibilidades de explorar as oportunidades de nichos do turismo, por exemplo tecnológico, rural e, de que forma a sociedade civil organizada é fator fundamental para este processo socioemocional- econômico-cultural, onde juntos somos mais fortes. Por meio dos empoderamentos dos empresários no fato de serem os protagonistas deste processo de gerar a melhor experiência ao público. Formando parcerias inovadoras e impulsionando as potencialidades, por meio das novas maneiras de pensar as soluções que promovem o desenvolvimento regional.

O turismo pode ser desenvolvido de várias formas, alguns tipos:

  • Turismo cultural.
  • Ecoturismo.
  • Turismo de Estudos ou Intercâmbio.
  • Turismo Rural.
  • Turismo de contemplação
  • Turismo de Esportes.
  • Turismo de Aventura.
  • Turismo de Negócios e Eventos.
  • Turismo de Sol e Praia.
  • Turismo de Saúde

Só nesta lista já temos inspirações para possibilidades.

De acordo com o Ministério do Turismo a tendência no Mundo e no Brasil o tempo de permanência do turista é de 3 dias para mais de 40% dos turistas.

A modalidade mais atual é do Turismo de experiência como uma vivência inesquecível. Como visitar uma propriedade e comer morango sentir o ar puro, ver os passarinhos, conviver com a cultura local e ser parte da história.

O turismo como agente desmistificador

O que acham de Turismo Rural? Ou ainda do turismo ciclístico. Uma história de vida do cotidiano, propiciando ao turista desfrutar das belezas da paz do campo e associado a riquíssimo sabor gastronômico, o aroma, fotografia, sons dos cantos dos pássaros, mas também os valores que carregam um enorme traço cultural vindo de diversas regiões.

A sociedade civil organizada como meio de força e vínculo de laços fortes

            Nestas organizações que constroem capital social, confiança e seus valores compartilhados que permite e facilitam as ações e a relações da sociedade local.

            Essas forças geram oportunidades, por meio de roteiros integrados, como divulgação do destino em conjunto, incluídos em uma rede.

Um empresário empoderado transforma o mundo

            Quando o produto turístico está desenhado e comunica seus atrativos, e esses atores provocam em si mesmo a vontade de fortalecer e desenvolver um destino, que se permite aprender, com comunicação continua e permanente, as transformações acontecem.

            Reconhecer que todos podem realizar é caminho para a realização dos sonhos, desejos, necessidades pessoais, além das expectativas frente aos valores, missão, propósito de construir o turismo regional.  Onde o comprometimento são capazes de fazer acontecer.

            O atendimento ao turismo por meio da hospitalidade é fundamental. Com este propósito as experiências dos turistas se multiplicam. Cada um de vocês tem o papel fundamental para encantar, fidelizar e proporcionar uma experiência positiva aos turistas. Podem ter certeza vocês (empresários) fazem.

Parceria e impulsionamento para a transformação do desenvolvimento regional

            O desenvolvimento planejado das competências da hospitalidade pode levar a região ao sucesso. A importância do envolvimento de todos os atores regionais na elaboração das estratégias, na definição dos objetivos e, conjuntamente, promovem o desenvolvimento regional mais sustentável.

            As diferenciações e vantagens locacionais, atraiam investimentos para consolidação e reconfiguração do desenvolvimento regional.

            A capacidade empresarial, ganha importância estas boas práticas de cooperar e aprender tem demonstrado o fator de sucesso no Desenvolvimento.

            Parece simples, os diferentes atores no âmbito do território podem ser analisados a partir das relações entre as pessoas que se refletem, nas melhores condições de criação e difusão de conhecimentos e, das ações do destino. Isto é inovação.

            A ideia de inovação não pode ser apenas associada às atividades de alta tecnologia, ou às pesquisas científicas. As atividades cada vez mais intensivas em conhecimento, atividades que geram engajamento, desenvolvendo todo o tecido econômico e social.

            A inovação pode ser considerada desde o projeto técnico, dos produtos industriais ou artesanais, gestão das atividades e na comercialização de um destino ou de outros artefatos de um novo ou melhorado produto ou serviço.

            Estruturando o turismo com visão de longo prazo, associado os indicadores e capacitando as pessoas nas competências da hospitalidade que poderá propiciar a melhor e inesquecível experiência é a fórmula de sucesso.

            Pensem nos Parceiros estratégicos que podem construir: (Sebrae, Paraná turismo, Fecomércio, Universidade, agência de fomento, dentre outros)

            Os conflitos são inevitáveis no contexto da convivência humana, e não há soluções fáceis ou receitas mágicas para as questões decorrentes de coexistirmos. Pelo contrário, o Turismo é um desafio. Qual o nosso repertório saber conviver, fazer para poder crescer. 

            Viva e Experimente a sua transformação.

Negócios em Turismo

Comunidade Sebrae
Ler conteúdo completo
Indicados para você