[ editar artigo]

Faça uma distinção entre o que você É e o que você FAZ.

Faça uma distinção entre o que você É e o que você FAZ.

A física define que tudo tende à desorganização. Um fenômeno chamado entropia.

Toda a ação produzida tende à desestruturação, à desorganização, ao fracasso. Somos perfeitos, mas nossas ações, não. Quando se manifestam no mundo físico, as idéias tendem a produzir um resultado diferente do esperado. Mas isso não é necessariamente um fracasso.

Não confunda sucesso com reconhecimento. Você sempre será um fracasso aos olhos de alguém. Talvez da maioria. Se seu modelo de sucesso está relacionado à aprovação geral, você nunca o obterá. Então não declare seu sucesso um fracasso. Não há essa coisa chamada fracasso. Há somente resultados. Próximos ou distantes do idealizado, mas sempre resultados.

Os Líderes Pragmáticos não veem o fracasso. Não acreditam nele. Os supersucessos de nossa cultura não são pessoas que não falham, mas simplesmente pessoas que sabem que, se tentarem alguma coisa e não obtiverem o resultado desejado, pelo menos tiveram uma experiência de aprendizado.

O verdadeiro fracasso é nunca tentar, não se dispor ao erro.

Entenda que se fizer alguma coisa e não conseguir o efeito desejado, isso será simplesmente aprendizado. Você usa essa informação para fazer distinções mais precisas sobre o que necessita para produzir os resultados que deseja. E as utiliza numa outra oportunidade. Monitora os resultados e faz os ajustes necessários.

Comunidade Sebrae
Ler matéria completa
Indicados para você