[ editar artigo]

Amazon abre Salão de Beleza

Amazon abre Salão de Beleza

Já viu essa novidade? É isso mesmo, a gigante Amazon – aquela empresa que você conhece por ter vídeo, vender livro e equipamentos eletrônicos, agora também está no mercado da beleza.

Foi anunciado essa semana que a Amazon abriu em Londres, no Reino Unido, seu primeiro Salão de Beleza - o “Amazon Salon”.

Mas calma, ela não veio para “dominar” o mercado e sair abrindo salão em qualquer lugar do mundo! A proposta deste salão é ser um laboratório para que a empresa teste as novas tecnologias no setor.

Por exemplo: Ao entrar no salão, o cliente encontrará um tablet e, através da tecnologia de realidade aumentada (AR – sigla em inglês), poderá ver uma prévia da coloração que quer no seu cabelo.

Outra tecnologia que já está no salão é a chamada “apontar e aprender”, onde o cliente aponta para um produto e as informações sobre aquele produto serão apresentadas em uma tela na sua frente.

E qual a relação disso com o nosso dia a dia?

Primeiro – se uma empresa gigante no mundo como a Amazon está testando novas tecnologias voltadas ao mercado da beleza, mostra que as expectativas de crescimento e desenvolvimento do mercado são grandes. Nenhuma empresa investe em um mercado falido. Assim, vemos que existe sim, oportunidade de crescimento para qualquer profissional da área da beleza que queira – de forma séria e profissional – crescer.

Segundo – a Amazon está com esse projeto pois a preocupação é com a experiência do cliente. Isso mesmo, ela quer entender o comportamento do cliente, qual será a experiência dele dentro do salão para assim poder entregar o melhor produto ou serviço.

Esse projeto da Amazon é apenas um laboratório. Um espaço de 457m2 de espaço em dois andares. Nessa primeira fase apenas os funcionários da Amazon poderão usufruir dos serviços. Apenas na segunda fase de funcionamento, a Amazon irá abrir para o público.

E toda vez que a tecnologia invade um novo mercado a primeira preocupação do profissional é ser substituído pela máquina. Talvez por trauma da era industrial, quando a máquina entrou na indústria e tomou o lugar do profissional despreparado.

Não se assuste, isso não irá acontecer no mercado da beleza. Tanto que a própria Amazon fez parceria com a hair stylist Elena Lavagni, muito conhecida no Reino Unido.

O que realmente precisamos observar nesse fato é a importância de analisar o comportamento e a experiência de nosso cliente. Você, profissional da área da beleza ou gestor de uma empresa na área, observe, analise qual é o comportamento do seu consumidor nesse momento. Quais são as reais necessidades e expectativas dele.

Apenas com essa observação é que podemos proporcionar a melhor experiência possível. Cortar o cabelo, o consumidor pode cortar em qualquer lugar, mas ter uma experiência única, só você pode proporcionar!

Quer mais dicas? Me siga no Instagram @giovanaquini.oficial e se inscreva no meu canal do Youtube, pois todos os dias eu publico conteúdo com dicas importantes para a área.

Profa. Ms. Giovana Quini

Especialista em Empreendedorismo Feminino

Mentora, Coach e Palestrante.

Professora Universitária na área de Administração de Empresas

www.giovanaquini.com.br

Serviços de Beleza

Comunidade Sebrae
Giovana Quini
Giovana Quini Seguir

Com 25 anos de experiência em gestão empresarial, me especializei nos últimos 10 anos na área da beleza. Atuo como mentora, cuidando de empresas na área de beleza e coach, auxiliando profissionais a se desenvolverem pessoalmente e profissionalmente.

Ler conteúdo completo
Indicados para você