[ editar artigo]

Para você que está pensando em abrir um E-commerce

Para você que está pensando em abrir um E-commerce

📍 O que é um e-commerce?
E-commerce é a venda de produtos ou serviços através da internet, mais especificamente um site de vendas, onde todo o processo acontece de forma automatizada. Ou seja, o comprador chega até o site/loja online, consegue visualizar todos os produtos, faz escolhas, coloca no carrinho e a transação financeira, o pagamento, acontece ali mesmo na plataforma, sem a necessidade de contato humano.

📍 Custa caro criar um e-commerce?
Sim, se você construir toda a estrutura própria, sem intermédio de uma ferramenta de mercado pronta, o investimento será alto, pois requer: desenvolvimento, programação, banco de dados, design, experiência do usuário, processo para as transações financeiras, automações de respostas, enfim... um e-commerce próprio requer uma estrutura robusta para fazê-lo rodar e terá um custo considerável.

📍 E quais são as alternativas então? Já que um e-commerce próprio requer alto investimento?
Existem plataformas de e-commerces prontas, que fornecem toda estrutura, layout, processos de compra e venda, transações financeiras, entre outros. É uma loja virtual, um e-commerce, porém você utiliza uma ferramenta de mercado. Geralmente existe uma mensalidade e um percentual em cima das vendas, vai depender da ferramenta escolhida.

E outra alternativa são os MARKETPLACES! Exemplos: Americanas.com, Magazine Luiza, Mercado Livre, Submarino... todos são exemplos de marketplaces onde, você tem a estrutura do e-commerce e insere seu produto para venda na plataforma e toooodo processo de compra e venda é automatizado e seus produtos serão ofertados conforme a busca do usuário. O que fica sob responsabilidade do vendedor é só a entrega do produto.

📍 E-commerce x Redes sociais
Escolher entre um e-commerce ou vendas através das redes sociais, vai depender do estágio do seu negócio. Para quem está começando, o indicado é iniciar pelas redes sociais até que a marca/empresa se fortaleça. Nas redes sociais os processos serão mais manuais, será necessário a intervenção de um humano para fazer a coisa girar e dar certo.

Já no e-commerce, tudo é automatizado, mas, o esforço e investimentos na construção são maiores. Cabe a você empreendedor, entender qual é o seu momento e o que fará mais sentido 🙂
 

Bom, eu falei sobre este assunto no programa PAUTA ABERTA da emissora EVANGELIZAR, quem quiser se aprofundar no tema, dá o PLAY aí 👇🏼📲

Um abraço, 
Bianca Becker.

Marketing Digital

Comunidade Sebrae
Bianca Becker
Bianca Becker Seguir

Produtora de conteúdo digital e Coordenadora da Comunidade Sebrae 🤩🚀

Ler conteúdo completo
Indicados para você