[ editar artigo]

Natal: 5 dicas para preparar sua loja

Natal: 5 dicas para preparar sua loja

O Natal é uma das épocas mais rentáveis do ano, e mesmo com as incertezas trazidas pela pandemia, essa afirmação não muda. Por outro lado, é preciso se preparar bem para aproveitar ao máximo o aumento no fluxo de clientes – e, mais do que isso, fidelizá-los para que continuem comprando nos anos seguintes.

Os preparativos começam antes de se pensar em qualquer promoção: primeiro, você deve analisar as suas estatísticas de venda dos natais anteriores para ter pistas sobre o que tem mais chances de funcionar este ano. Quais foram os produtos mais vendidos? Quais os mais rentáveis? Algum ficou "encalhado" no estoque? Qual era o perfil do público da loja no período?

Agora, sim, vamos falar sobre dicas mais específicas.

1 Prepare bem os seus estoques

Perder vendas por conta da falta de estoque é péssimo para o lojista, não só pela perda em si, mas também porque pode prejudicar a imagem da loja. Nessa época em que os consumidores têm mais pressa para comprar os produtos, já que querem estar com tudo em mãos para a troca de presentes, o impacto é ainda maior.

Fique de olho em tendências que foram surgindo ao longo do ano, use a experiência dos natais anteriores, e planeje com seus fornecedores as datas previstas de entrega.

 2 Fortaleça o e-commerce e a retirada na loja

De modo geral, a pandemia está mais atenuada, mas a cautela não pode ser deixada de lado. As aglomerações em shoppings e lojas antes eram um mero incômodo, e hoje causam grande preocupação.

Assim, procure deixar seu cliente à vontade, caso ele queira comprar pela internet e receber em casa, ou fazer a compra no site e apenas retirar na loja. Essa demonstração de cuidado com a saúde do cliente faz toda a diferença.

3 Tenha ofertas vantajosas e com prazo limitado

Um bom planejamento de ofertas, com descontos realmente vantajosos, é essencial para se sobressair no meio das muitas promoções típicas dessa época do ano. E lembre-se de deixar clara a data limite da oferta, para não perder o embalo.

Hoje em dia, há diversos sites e aplicativos para comparação de preços, o que faz com que ofertas medianas sejam ignoradas e ofertas enganosas sejam denunciadas. Qualquer um desses dois tipos pode prejudicar seriamente a reputação do seu negócio.

4 Treine sua equipe de vendas

Uma equipe que tenha um ótimo desempenho em dias normais não necessariamente está preparada para o grande fluxo natalino. Mais clientes, mais exigências, mais expectativas (ninguém quer correr o risco de chegar de mãos abanando no natal da família ou na festa da firma)...

Seus colaboradores passarão por uma cobrança muito grande por parte dos clientes. É interessante fazer treinamentos especiais para que estejam preparados para isso.

5 Facilite as formas e condições de pagamento

Essa recomendação se torna especialmente válida agora em 2020, quando tantas pessoas tiveram suas finanças prejudicadas por conta da pandemia. Formas de pagamento variadas e opções generosas de parcelamento podem ser a diferença entre uma compra efetuada e um carrinho abandonado.

E, finalmente, cuide bem da higiene e da segurança sanitária da sua loja. É provável que o fluxo de clientes (mesmo com a preocupação do isolamento) aumente, e você precisa deixar tanto seus clientes como seus colaboradores seguros.

Meus sinceros votos de excelentes negócios e um Feliz Natal!

O que achou das dicas? Gostaria de saber mais sobre o assunto? Deixe seu comentário!

Varejo 🎁

Comunidade Sebrae
Lucas Hahn
Lucas Hahn Seguir

Coordenador Estadual de Varejo e Mercado do SEBRAE/PR.

Ler conteúdo completo
Indicados para você