[ editar artigo]

TRADIÇÃO DE BEM ESTAR

TRADIÇÃO DE BEM ESTAR

TRADIÇÃO DE BEM ESTAR

Design Sensorial aplicado a Cheiro da Terra Gastronomia & Lazer*

SEBRAETEC Design Sensorial

Katalin Stammer Arquitetura e Design

 

 

Gastronomia e Lazer

                Um ambiente de gastronomia e lazer nos remete a momentos de relaxamento e tranquilidade para aproveitar o melhor que a vida nos oferece em sabores e sensações. Localizado atualmente no centro da cidade Prudentópolis-PR, o tradicional restaurante Cheiro da Terra está mudando para esse formato em um local que pertenceu a família dos proprietários e está localizado em uma importante rota turística das cachoeiras e tradicionais igrejas ucranianas da região. Esse novo espaço será o cenário de um programa completo de gastronomia tradicional ucraniana, entre outras opções de cardápio e atividades de lazer ao ar livre.

Design Sensorial

 

Nada mais forte e marcante que trazer esse contexto através de experiências sensoriais que representem esses valores para todos que frequentam o ambiente. Isso pode ser realizado com as técnicas do Sensory Design Methodology, ou seja, um método desenvolvido pela arquiteta e designer Katalin Stammer que aplica Design Sensorial ao ambiente físico, para que todas as sensações sejam despertadas e o bem estar torne a experiência ainda mais memorável.

“...o conjunto de elementos sensoriais, quando aplicados com propósito a um ambiente, deixam de ser neutros e isolados e passam a propagar emoções, criando vínculos e história com seus usuários...”

 Arq. Katalin Stammer

O design sensorial é um conjunto de estudos com base na antropologia, neurociência e design sobre os mais de 20 sensores fisiológicos humanos que, quando aplicados ao projeto de interiores, com objetivo específico são capazes de promover sensações e emoções de bem estar e harmonia.

Através desse processo, o projeto desenvolvido para Cheiro da Terra Restaurante propõem transmitir através de três macro sensações (TRADIÇÃO, CONVIVÊNCIA E RELAXAMENTO) uma experiência turística única e memorável para as famílias, turistas e moradores; que fidelize seu público, fortalecendo o roteiro da região e sendo referência em gastronomia de origem ucraniana e lazer.

                Com base nesse objetivo e na aplicação do Design Sensorial para o conjunto do espaço externo de aproximadamente 31.144,00 m² estabeleceram-se atividades de lazer dentro dos conceitos de paisagismo que envolvessem a construção principal do novo restaurante projetado por um escritório de engenharia da região.

O terreno acidentado e repleto de minas d´água, possui tanques de água e alguma vegetação nativa que rodeia as minas e contorna as divisas do local. Propõem-se manter o máximo as características nativas de relevo, vegetação e características hídricas procurando que todos esses itens trabalhem juntamente com o projeto para criar uma experiência regional focada na natureza e também na sustentabilidade, respeitando ao máximo o bioma existente. Para isso, em todo trajeto das 12 atrações propostas nesse projeto, procurou-se utilizar o mínimo de coberturas, calçamentos sem drenagem ou outros materiais que impermeabilizem o solo e criem bloqueios nos percursos naturais existentes. Um ponto importante levantado pelos proprietários será a necessidade de fazer um projeto de drenagem nas divisas para conter fluxo de água vinda de alterações de terraplanagem feitas na região das propriedades próximas.

                A distribuição e tipos de atividades foram pensadas com um olhar amplo aos diferentes públicos e faixas etárias. Considerou também possíveis objetivos do passeio e tempo de estadia no local. A intenção que o público possa passar o dia usufruindo o espaço com diferentes possibilidades de cenários de descanso e lazer.

                                 Figura 1 - Implantação Geral  (mapa das atividades)

   Figura 2 - Visão aérea implantação- frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                Dentro da visão estratégica elaborada juntamente aos proprietários do restaurante, pensou-se em fortalecer as características tradicionais ucranianas porém sob um viés contemporâneo, buscando a evolução da história local e da sua relevância nacional. Os elementos mesclam materiais comuns da região como madeiras e pedras facilmente encontradas para que o mesmo olhar ambiental de proximidade de fornecedores e produtos fosse mantido também nas intervenções propostas. Para imersão dessa experiência única que se inicia pela própria rota turística existente no município de Prudentópolis-PR e suas características de pavimentação e entorno, buscou-se um portal que marca a entrada de modo  convidativo à uma experiência local. O Portal de acesso principal possui madeiras da região fortalecendo o conceito. Foi elaborado como uma forma de controle de entrada e saída do espaço para garantir segurança aos usuários e ao empreendimento. Suas características formais lembram as construções feitas pelos imigrantes em suas casas e armazéns. O paisagismo demarca o fluxo e também busca ambientar e humanizar o local.

Figura 3 – Portal - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

O ambiente do restaurante foi o ponto de partida da mudança de endereço e conceito de espaço. Foi projetado pelo escritório Artecon Construções de Palmital-PR também credenciado ao SEBRAETEC e abriga um programa completo que incluem vários tipos de serviços que vão desde lanchonete até espaço de eventos e pequenos shows. Para acompanhar esse espaço foi proposta uma grande área como pátio de estacionamento que envolve a construção desse prédio e abrigará os veículos dos visitantes tanto para ônibus quanto para veículos de passeio.

Figura 4 - Visão Geral Restaurante - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

Figura 5 - Visão aérea Restaurante e Estacionamento - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

Essa área do entorno próximo também propõem um espaço para crianças com um parquinho na mesma linha conceitual do portal, utilizando madeira e outros elementos que lembram uma visão rústica, porém que recebe um toque contemporâneo estimulando as sensações de tradição e convivência propostos pelo design sensorial. Prevendo essa logística familiar dinâmica onde pais e crianças brincam juntas e ao mesmo tempo estão próximas à área do restaurante promovendo também essa visão relaxante do local como um todo, que pode ser contemplada pelas amplas aberturas propostas no projeto do local.

Figura 6 – Parquinho - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                As atrações do empreendimento foram projetadas para as mais diversas situações de tempo e perfil de usuários, desde aqueles que passam para uma rápida parada de almoço até as famílias que passarão o dia no local. Para estimular essa conexão entre: relaxamento, tradição e convivência; as atividades estão por toda parte e criam trajetos com muitas opções de roteiro. A sugestão é que os usuários recebam um mapa ao chegar no local, com o descritivo de como e onde podem usufruir esses momentos. Todo material gráfico desde placas de sinalização até folders e material digital é proposto em três idiomas: português, inglês e ucraniano. 

Figura 7 - Pessanka da Sorte - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

A primeira atração reforça a macrosensação de Tradição e gera um ambiente “instagramável” que recebe um banco para fotos e contemplação. O elemento da Pessanka (ovo ornamentado tradicional ucraniano) compõem esse cenário inicial e contextualiza a rusticidade proposta pelas construções com a origem da imigração local bastante relevante no turismo.  Outro elemento que faz essa tradição percorrer o olhar a memória são peças utilizadas pelos imigrantes que criam uma rota das lembranças, fortalecidas em toda a extensão do empreendimento.

                Seguindo o trajeto, a próxima atividade é chamada de Caminho do Artesão e faz referência às habilidades trazidas pelas famílias que se instalaram na região e continuam fortalecendo a essência da produção local e cultural. Por isso o formato transmite movimento e lembram uma espiral evolutiva que dá significado a tudo que é feito com tamanha habilidade e história. Um local pensando para brincar, refletir e interagir. O local também tem bancos para contemplar a vista do trajeto turístico pavimentado com pedras da região que compõem uma bonita perspectiva com as plantações da região.

Figura 8 - Caminho do Artesão - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

 

                Figura 9 - Caminho do Artesão - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                O jardim memorial é uma homenagem à família dos proprietários que nasceram e se criaram nesse terreno, fazendo uma referência ao “florescer” das gerações que ali seguem trazendo vida e desdobramentos através de novas etapas. Na placa/totem constam o nome dos familiares e data de chegada deles à região com breve histórico.

Figura 10 - Jardim Memorial  - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                Entre os locais mais importantes do roteiro, está a “Fonte dos Desejos” uma mina que brota entre pedras e mostra ao usuário a preciosidade da região através da sua natureza exuberante. Nesse entorno estão espaços de contemplação estimulando essa imersão sensorial com sons de água, cores e aromas da vegetação nativa.

 Figura 11 - Fonte dos Desejos - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                O “Olho d´água da Cigana” é chamado assim desde a chegada da família no local, pois conta-se que comunidades ciganas que se deslocavam pela região tinham ali um ponto de parada para buscar água. Está localizado bem próximo as divisas do terreno e está como um elemento ornamental que dá a boas-vindas aos visitantes que chegam do centro da cidade em direção à rota turística.

Figura 12 - Olho D´água da Cigana - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                A Trilha da Tradição é uma passagem de pérgolas de madeira que direciona os visitantes entre uma atividade e outra de modo leve e inserido ao contexto. Seus pórticos estão levemente afastados um do outro e seu calçamento é composto por peças soltas para menor intervenção no relevo local proporcionando um caminhar sensorial, que diminui o passo e aumenta a contemplação. Sensores trabalhados para sentir pelo tato, o toque dos pés na transição de piso.

Figura 13 - Trilha da Tradição - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                A Rota das Lembranças é composta por diversos elementos e objetos selecionados pelos proprietários e compõem fragmentos de histórias das famílias que ali chegaram e se instalaram, unindo forças para novas perspectivas em um novo país e para uma nova vida.

 Figura 14 - Rota das Lembranças - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                O Quiosque está em meio ao lago principal e é um ambiente de visitação, contemplação, utilização para pequenos eventos e degustações da gastronomia local. Projetado em madeira faz relação com materiais utilizados na região e no projeto como um todo. Gera uma perspectiva única e agradável aos que visitam o espaço e permite um relaxamento do contexto de natureza hídrica.

Figura 15 - Quiosque do Lago - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                 O Pesque Pague é uma atração voltada para os usuários que irão passar mais horas do dia e querem atividades tranquilas. Compartilhando momentos em família e amigos esses ambientes externos dão possibilidade a diferentes tipos de interação e experiências.

Figura 16 - Pesque Pague - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                 O Túnel do Amor é uma referência da Ucrânia contemporânea e um dos locais mais visitados pelos casais do mundo inteiro naquela região. É um elemento simbólico considerado de muita sorte pelos casais que passam por ele e tem suas bênçãos na relação. O espaço original na Ucrânia, foi formatado num trecho de ferrovias da região que gerou um túnel vegetação que cria um ambiente inspirador para fotos e passeios. A referência a ele foi usada para transmitir a relação atual entre os países, um espaço para casamentos utilizando o conceito de eventos ao ar livre que podem funcionar simultaneamente as outras atrações do local, gerando agendas paralelas e retornos financeiros complementares para o negócio. A vegetação nativa com flores e aromas estimulam sensores olfativos, hápticos, táteis e visuais que juntos geram percepções combinadas associadas ao conforto e positividade.

 Figura 17 - Túnel do Amor (entrada) - - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

Figura 18 - Túnel do Amor (visão aérea) - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

               Figura 19 - Túnel do Amor (trajeto) - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                A Praça Lounge complementa o ambiente de eventos ao ar livre e também está dentro do contexto da convivência e do relaxamento. Um ambiente para estar à vontade para ler um livro, brincar, conversar, respirar num espaço aberto e ao mesmo tempo protegido por uma cobertura leve que quebra o sol e a chuva de modo harmônico e discreto. O mobiliário solto e confortável está distribuído em layout funcional e prático para ser alterado conforme evento proposto.

Figura 20 - Praça Lounge - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                Dentro da distribuição do espaço foi previsto uma grande área aberta que representa o “coração” do local, onde praticamente todas as atividades podem interagir. Um espaço flexível que tem entre algumas opções funcionar como cinema à céu aberto e/ou ambiente para piqueniques em famílias e amigos.

Figura 21 - Cinema ao ar livre e piquenique - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

                O Jardim ucraniano fecha a relação de atrações com um exuberante jardim de flores e bancos, que mostram a união dessa comunidade. A força das famílias que juntas construíram uma nova história de mais de um século na região. Um local para que visitantes, turistas e moradores possam se encontrar para comemorar esse importante olhar histórico que culmina num empreendimento local que fortalece a trajetória mas atualiza o conceito consolidando essa evolução.

Figura 22 - Jardim ucraniano - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

Figura 23 - Jardim ucraniano - frame de vídeo da renderização – Katalin Stammer Arquitetura e Design

Todos os espaços desse empreendimento buscam o olhar da convivência com a natureza, com o pisar na terra, sentir o local através dos sensores, fazer conexões entre pessoas e ambiente, criar memórias únicas e positivas e também cuidar da saúde física, psicológica, emocional e espiritual consequentemente. É um local para ser usado por todos: turistas, visitantes, moradores, equipe e transmitir valores de tradição. Promover a convivência e o relaxamento para grupos e pessoas que buscam harmonia e bem estar com muita identidade.

 

Depoimento Cliente

"O projeto foi além da nossa expectativa, muito além! Nós imaginávamos uma coisa e aconteceu muito mais. Foi muito gratificante a parceria! O SEBRAE que encaminhou vocês, que abraçaram esse projeto de forma que nos emocionou. Temos que agradecer a todo grupo do SEBRAE que trabalha com profissionais cada um na sua área. Confio muito no trabalho do SEBRAE e dos profissionais do SEBRAE. Amamos o resultado o projeto de design sensorial.”

Márcia Schirlo

Sócia-proprietária

Katalin Stammer Arquitetura e Design

Katalin Stammer Arquitetura e Design é um escritório com mais de 10 anos de atuação focado em inovação, consultoria, treinamento e design. Conta com uma equipe multidisciplinar para atender projetos de design sensorial e design thinking, que percorrem desde à elaboração de estratégia até o ambiente físico concretizado e decorado, tanto em espaços residenciais quanto coorporativos. Os projetos são desenvolvidos com base na sustentabilidade, funcionalidade, respeitando às particularidades de cada cliente com muito bom gosto para inspirar todos aqueles que estejam envolvidos.

Katalin Stammer

Arquiteta, urbanista (UFPR) e Designer de Móveis (CEFET PR), com intercâmbio na Facultad de Arquitectura, Diseño y Urbanismo - Universidad de la República, Uruguay (FADU - Udelar), possui experiência na área de projetos de interiores comerciais e residenciais com foco em design sensorial, projetos de estratégia corporativa e inovação. Premiada com projetos em mostra de decoração Casa Cor PR e com coordenação de equipe de alunos em concurso tendo como prêmio viagem à feira Isaloni em Milão - Itália. Diretora da Escola Curitibana de Design. Participação como palestrante de eventos como semana acadêmica de Design da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), Semana D – Museu Oscar Niemeyer, Congresso Nacional Moveleiro, entre outros eventos. Desde 2009 é sócia-fundadora do Katalin Stammer Arquitetura e Design.

SEBRAETEC – Design Sensorial

O Design Sensorial tem como objetivo oportunizar à empresa o acesso a abordagem sensorial, uma inovadora fronteira de possibilidades e resultados, visando obter um vínculo emocional dos clientes com a marca e fidelização.

Benefícios: Vínculo emocional e afetivo dos clientes com a marca: associações sensoriais positivas; Fidelização e aumento de conversão de vendas; “Viralização” da experiência; Melhoria do desempenho da equipe interna e endomarketing; Aumento de produtividade das equipes de vendas.

 

Ficha técnica

 

Projeto

Cheiro da Terra Restaurante

Responsável: Márcia Schirlo e Gláucio Roberto Andrade

Prudentópolis – PR

 

SEBRAETEC

Ficha: Design Sensorial

Gestora: Joslaine Gomes Schimidt

SEBRAE PR – Regional Centro

 

Empresa Credenciada

DESIGN SENSORIAL

Katalin Stammer Arquitetura e Design

Responsável técnica: Katalin Stammer

Curitiba - PR

 

PROJETO ARQUITETÔNICO RESTAURANTE

Artecon Construções

Responsável técnica: Eng. Daisy Caroline Stoski

Palmital - PR

 

*Este projeto de design sensorial é assinado por Katalin Stammer Arquitetura e Design, com exclusividade para Cheiro da Terra Restaurante através do serviço SEBRAETEC do SEBRAE/PR. Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo. Proibida a comercialização deste material.

Varejo 🎁

Comunidade Sebrae
Katalin Stammer
Katalin Stammer Seguir

Arquiteta, urbanista, designer, diretora da Escola Curitibana de Design e diretora criativa do Katalin Stammer Arquitetura e Design. Possui experiência na área de projetos de interiores com foco em design sensorial, estratégia corporativa e inovação.

Ler conteúdo completo
Indicados para você